Internacional Mineiro morre após ser baleado em casa, nos Estados Unidos

Mineiro morre após ser baleado em casa, nos Estados Unidos

Gilson Peron, de 20 anos, ficou internado por 15 dias em um hospital em Norfolk, Virgínia, mas não resistiu aos ferimentos

  • Internacional | Lucas Ferreira, do R7

Resumindo a Notícia

  • Gilson Peron, de 20 anos, morreu após 15 dias internado em um hospital dos EUA
  • O mineiro foi baleado dentro da própria casa, em Norfolk, nos Estados Unidos
  • Familiares e amigos realizaram vaquinha para tentar trazer o corpo de volta ao Brasil
Gilson Peron tinha 20 anos

Gilson Peron tinha 20 anos

Reprodução Facebook/Gilson Peron

O mineiro Gilson Peron, de 20 anos, morreu no último domingo (18) após ter sido baleado no apartamento no qual morava, em Norfolk, Virgínia, nos Estados Unidos. O incidente aconteceu na noite de 3 de setembro.

Gilson, que trabalhava com construção civil nos EUA, ficou internado por 15 dias, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com amigos e família, as lesões causadas pelos tiros “foram muito grandes”.

Os parentes do rapaz, que chegou aos Estados Unidos em 2019, agora tentam enviar o corpo a Minas Gerais, onde moram a mãe e a irmã de Gilson. O objetivo da família é conseguir enterrar o jovem ao lado do pai, que faleceu em 2018.

O financiamento coletivo criado pela família arrecadou, em um dia, os US$ 20 mil (mais de R$ 102 mil) definidos como meta para a vaquinha. Até o momento da publicação desta matéria, mais de 170 pessoas haviam feito doações ao fundo.

“É uma tarefa cara enviar Gilson do fim de Norfolk, Virgínia, Estados Unidos, a Minas Gerais, Brasil, mas estamos fazendo tudo o que podemos para tornar realidade os desejos dele e de sua família”, diz o texto da vaquinha.

O R7 procurou o Itamaraty para comentar o caso, mas não obteve resposta até a publicação desta nota. 

Não há mais informações sobre as investigações que levem ao autor do ataque contra Gilson.

Últimas