Internacional Mulher resgata 97 cães de rua para protegê-los de furacão nas Bahamas

Mulher resgata 97 cães de rua para protegê-los de furacão nas Bahamas

Ativista Chella Phillips está abrigando quase 100 cachorros em sua casa na capital Nassau. Furacão Dorian causou destruição no arquipélago

Furacão Dorian nas Bahamas

Ativista resgatou 97 cães às vésperas da chegada de furacão nas Bahamas

Ativista resgatou 97 cães às vésperas da chegada de furacão nas Bahamas

Reprodução/Facebook/Chella Phillips

Nas Bahamas, a ativista pelos direitos dos animais Chella Phillips está abrigando em sua casa na capital Nassau nada menos que 97 cães de rua, todos salvos pouco antes de o arquipélago ser atingido pelo furacão Dorian — que destruiu cidades inteiras com ventos de aproximadamente 350 km/h desde o domingo (1º).

Chella é representante de uma ONG chamada The Voiceless Dogs of Nassau (Os Cães Sem Voz de Nassau, em português) e já resgatou mais de 1.000 cachorros abandonados nos últimos quatro anos.

No Facebook, a ativista publicou que, dos 97 cachorros, "73 estão dentro de minha suíte". "Para todos os que estão perguntando: sim, todos se dão bem e dão boas-vindas aos recém-chegados com os rabos abanando porque sabem que são irmãos e irmãs que sofreram nas ruas."

A última atualização da página de Chella no Facebook se deu na tarde desta segunda-feira (2): "Estamos bem depois de uma noite estressante em que comemos mal dentro do refúgio (...) Todos os serviços estão inoperantes, todas as TVs foram queimadas por raios. Oro pelas outras ilhas que sofreram danos inimagináveis ​​e não sei como algum cachorro ou ser vivo pode ter sobrevivido lá fora", declarou.

A ativista pede doações para manter os cachorros e "implora" para que eles sejam resgatados: "Cada um deles merece um lar amoroso".