Internacional Naufrágio perto de ilhas japonesas deixa um morto e seis desaparecidos

Naufrágio perto de ilhas japonesas deixa um morto e seis desaparecidos

Barco foi encontrado à deriva em território de pesca disputado entre China, Japão e Taiwan

AFP
Resumindo a Notícia
  • Barco de pesca naufragado foi encontrado perto de ilhas Senkaku, no Japão.

  • Incidente deixou um morto e seis desaparecidos, entre tailandeses e indonésios.

  • Território é disputado por japoneses, chineses, taiwaneses e atualmente pertence à China.

Tripulação contava com um taiwanês e seis indonésios

Tripulação contava com um taiwanês e seis indonésios

HANDOUT / 11TH REGIONAL COAST GUARD HEADQUARTERS / AFP - 05.03.2023

Uma pessoa morreu e seis estão desaparecidas após o naufrágio de um barco de pesca perto das ilhas Senkaku, informou nesta segunda-feira (6) a Guarda Costeira do Japão, que controla as ilhas reclamadas pela China.

O local exato do naufrágio não foi divulgado, mas um barco de patrulha japonês observou a embarcação à deriva ao norte das ilhas Senkaku no domingo, afirmou Keisuke Nakao, porta-voz da Guarda Costeira.

A tripulação inclui um taiwanês e seis indonésios, acrescentou.

"Por volta de 9h15 (21h15 de Brasília, domingo) mergulhadores encontraram um corpo dentro da cabine. Um documento de identidade sugere que era um indonésio", declarou outra fonte da Guarda Costeira, Masaya Tokita.

A Guarda Costeira iniciou operações de busca na região com barcos de patrulha e helicópteros depois que recebeu informações sobre o naufrágio na tarde de domingo.

Nakao disse que as operações são coordenadas com Taiwan, que também reivindica as ilhas Senkaku, um território sem moradores que Pequim chama de ilhas Diaoyu.

O Ministério taiwanês das Relações Exteriores confirmou em um comunicado que o barco pesqueiro estava registrado na ilha.

O pesqueiro saiu do porto de Keelung, norte de Taiwan, e pediu ajuda a um barco na região, segundo o organismo de pesca taiwanês.

Incêndio em depósito de combustível deixa ao menos 18 mortos e 60 feridos na Indonésia

Últimas