Internacional Paraguai comemora pagamento da dívida de Itaipu: "Marco histórico"

Paraguai comemora pagamento da dívida de Itaipu: "Marco histórico"

País fez o pagamento de mais de R$ 600 milhões ao BNDES; tratado de fundação da usina completa cinco décadas neste ano

Agência EFE
Resumindo a Notícia
  • Paraguai pagou integral da dívida contraída para construção de Itaipu.

  • País fez o pagamento hoje de mais de R$ 600 milhões ao BNDES.

  • Valor total da dívida com o Brasil passa de R$ 330 bilhões.

  • Tratado de fundação da usina completa cinco décadas neste ano.

Tratado de fundação da usina hidrelétrica de Itaipu completa cinco décadas neste ano

Tratado de fundação da usina hidrelétrica de Itaipu completa cinco décadas neste ano

Pixabay

O diretor-geral paraguaio da Itaipu Binacional, Manuel María Cáceres, afirmou nesta terça-feira (28) que o pagamento integral da dívida contraída para sua construção representa um "marco" para a hidrelétrica compartilhada por Brasil e Paraguai.

"O pagamento total da dívida não constitui apenas um marco histórico para a Itaipu como empresa, mas sobretudo é uma conquista de dois países que decidiram se unir em busca de um propósito comum", disse Cáceres durante ato realizado nesta terça-feira nas instalações da barragem.

A Itaipu anunciou hoje o pagamento de US$ 115 milhões, mais de R$ 600 milhões, ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), a última parcela da dívida contraída com diversas fontes e cujo custo total está estimado em cerca de US$ 63,5 bilhões, mais de R$ 330 bilhões.

Com o pagamento, a empresa se torna um patrimônio compartilhado pelos dois países, que em 2023 comemoram os 50 anos da assinatura do tratado de fundação de Itaipu.

A construção da barragem foi financiada quase inteiramente por meio de empréstimos de curto e longo prazo, com alguns períodos de carência, obtidos principalmente da Eletrobras e outros credores brasileiros e internacionais.

Por ocasião do 50º aniversário da assinatura do tratado de Itaipu, Brasil e Paraguai pretendem revisar o Anexo C desse documento, relativo às bases financeiras e à prestação de serviços de eletricidade da barragem.

A represa de Itaipu, que iniciou suas operações em 5 de maio de 1984 e foi inaugurada oficialmente em 25 de outubro daquele ano, cobre cerca de 85% das necessidades energéticas do Paraguai e cerca de 12% da demanda brasileira.

Boeing 737 vira hotel de luxo na Indonésia com diária de R$ 36 mil

Últimas