Internacional Parlamentar colombiana presa por corrupção vai ao dentista e foge 

Parlamentar colombiana presa por corrupção vai ao dentista e foge 

Aída Merlano, que estava condenada a 15 anos de prisão, usou corda para escapar pela janela de consultório e pegou carona em moto de comparsa

Aída Merlano fugiu durante consulta ao dentista

Aída Merlano fugiu durante consulta ao dentista

Reprodução

A parlamentar colombiana Aída Merlano conseguiu fugir nesta quarta-feira (2) depois de pular da janela do dentista e subir na moto de um comparsa. Ela foi condenada a 15 anos de prisão por corrupção e compra de votos durante a campanha política para o Senado.

Segundo informações da imprensa local, ela tinha consulta marcada com um dentista pela manhã e chegou ao consultório escoltada por duas guardas. Em vídeo divulgado pelo jornal El Tiempo, é possível ver a mulher sentada na cadeira do médico enquanto esperava as outras pessoas deixarem a sala.

Depois, ela aparece tirando uma corda vermelha que estava preso a um móvel e pula da janela. O consultório era no segundo andar e ela usou a corda para chegar em segurança no térreo.

Em outro vídeo, é possível ver ela caminhando até a moto de um comparsa, que estava esperando, e fugiu.

Com a fuga claramente premeditada, o governo decidiu demitir o diretor do Instituto Nacional Penitenciário e Carcerário, o General William Ernesto Ruiz, que estava no cargo há oito meses, e Diana Muñoz, que era a diretora da penitenciária feminina El Buen Pastor, em que Aída estava presa.

Aída Merlano foi condenado pela Suprema Corte há duas semanas por porte ilegal de armas e corrupção.

Recompensa milionária

O diretor do Instituto Nacional Penitenciário e Carcerário anunciou uma recompensa de 10 milhões de pesos colombianos, equivalentes a R$ 118 mil para quem tiver informações sobre o paradeiro ou fuga e que permita a captura da parlamentar.

Últimas