Internacional Polícia apreende R$ 257 milhões em cocaína vinda do Brasil em fábrica de café na Suíça

Polícia apreende R$ 257 milhões em cocaína vinda do Brasil em fábrica de café na Suíça

Autoridades encontraram 500 kg da droga dentro de sacos nos quais deveriam estar grãos para a produção da bebida

AFP
A carga de cocaína foi avaliada em R$ 257 milhões pela polícia da Suíça

A carga de cocaína foi avaliada em R$ 257 milhões pela polícia da Suíça

Handout/Police Cantonale Fribourg/AFP - 3.5.2022

A polícia da Suíça informou, nesta quinta-feira (5), que apreendeu mais de 500 kg de cocaína proveniente do Brasil em sacos de grãos de café entregues a uma fábrica do país. A carga da droga foi avaliada em cerca de R$ 257 milhões.

Os trabalhadores da empresa, na cidade de Romont, alertaram às autoridades, na segunda-feira (2), sobre um misterioso pó branco encontrado em sacos de grãos de café, indicou a polícia.

Funcionários da importante fabricante de cápsulas de café relataram que "uma substância branca indeterminada" estava nos sacos recém entregues de grãos de café, segundo a polícia de Friburgo.

As análises da polícia determinaram que a substância era cocaína. Segundo as investigações iniciais, o envio veio do Brasil. As autoridades acrescentaram que a cocaína apreendida tem 80% de pureza e um valor de mercado de mais 50 milhões de francos suíços (R$ 257 milhões).

As buscas em cinco contêineres "entregues no mesmo dia por trem resultou na apreensão de um total de 500 kg da droga", acrescentaram.

Além disso, a polícia informou que um perímetro de segurança foi montado em torno da fábrica durante a operação, que contou com a participação de um contingente de funcionários alfandegários.

As unidades que continham a droga foram isoladas e a substância não contaminou a produção da fábrica, segundo o comunicado das autoridades. "Toda a droga estava destinada ao mercado europeu", concluiu a polícia suíça.

Últimas