Rússia x Ucrânia

Internacional Prefeito de Kiev pede aos habitantes que fugiram que não voltem ainda

Prefeito de Kiev pede aos habitantes que fugiram que não voltem ainda

Vitali Klitschko afirmou que regiões próximas da capital podem ter explosivos pelas ruas, o que seria perigoso aos cidadãos

AFP
Apesar de retirada russa, Kiev ainda vive resquícios da tentativa de invasão da cidade

Apesar de retirada russa, Kiev ainda vive resquícios da tentativa de invasão da cidade

Fadel Senna/AFP - 21.03.2022

O prefeito de Kiev, Vitali Klitschko, pediu nesta segunda-feira (4) aos moradores da capital ucraniana que fugiram do conflito que não voltem por "pelo menos mais uma semana".

"Em primeiro lugar, há toque de recolher 24 horas por dia em vários distritos da região de Kiev. Também nas cidades próximas à capital, onde continuam os combates, foi encontrado um grande número de artefatos explosivos, o que pode representar uma grande ameaça", disse.

"Não descartamos a possibilidade de que disparem foguetes. Sim, nossas forças de defesa aérea estão trabalhando perfeitamente. Mas qualquer coisa pode acontecer. Então, peço às pessoas que esperem um pouco e não voltem", acrescentou.

A Ucrânia e os países ocidentais duvidam da promessa da Rússia de reduzir a atividade militar em torno de Chernihiv e da capital Kiev, durante negociações na última terça-feira (29) em Istambul.

Segundo militares ucranianos, a retirada das tropas russas em redor de Kiev e Chernihiv "é provavelmente uma rotação de unidades individuais e tem como objetivo enganar".

Últimas