Internacional Presidente da Ucrânia não descarta possibilidade de guerra com Rússia

Presidente da Ucrânia não descarta possibilidade de guerra com Rússia

Volodymyr Zelensky afirmou que pretende conversar em breve com Vladimir Putin sobre os confrontos no leste ucraniano

Agência EFE
Volodymyr Zelensky acredita que confronto seria negativo para as duas nações

Volodymyr Zelensky acredita que confronto seria negativo para as duas nações

Jim Lo Scalzo/EFE/EPA - 31.8.2021

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, não descartou nesta sexta-feira (10) a possibilidade de o conflito atual entre Kiev e Moscou se tornar uma guerra de grande escala entre Rússia e Ucrânia.

"Suponho que sim", respondeu o mandatário ucraniano a uma pergunta sobre o assunto no fórum YES Brainstormin 2021, celebrado em Kiev. Zelensky disse que uma guerra em grande escala com a Rússia "seria o pior que poderia acontecer", mas que, "infelizmente, é uma possibilidade".

"Acredito que este seria o maior erro da Rússia", comentou. O governante deixou claro que gostaria de se reunir com o presidente russo, Vladimir Putin, dentro do novo encontro do quarteto da Normandia para debater sobre o leste ucraniano.

Segundo Zelensky, se este encontro acontecer, será mais "substancial" do que a reunião anterior do quarteto, em dezembro de 2019.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, lamentou nesta sexta-feira as palabras de Zelensky sobre uma possível guerra entre os países e disse que preferia não comentar cenários "apocalípticos".

Leia também: Entenda o motivo da tensão na fronteira da Rússia com a Ucrânia

O quarteto da Normandia é formado por Rússia, Ucrânia, França e Alemanha, e o Grupo de Contato por Ucrânia, Rússia e a OSCE (Organização para a Segurança e Cooperação na Europa).

O conflito no Donbass entre o Exército ucraniano e milícias pró-Rússia começou em 2014 e, desde então, já causou mais de 14 mil mortes.

Últimas