Rússia x Ucrânia

Internacional Secretário-geral da ONU pede investigação independente sobre corpos encontrados em Bucha

Secretário-geral da ONU pede investigação independente sobre corpos encontrados em Bucha

Autoridades da Ucrânia informaram que mais de 400 civis foram mortos durante ofensiva russa na cidade

Agência EFE
Secretário-geral da ONU, António Guterres

Secretário-geral da ONU, António Guterres

EFE/ Loey Felipe / ONU

O secretário-geral da ONU, António Guterres, cobrou neste domingo (3) a realização de uma investigação independente que aponte para as responsabilidades no suposto massacre de civis na cidade de Bucha, na Ucrânia.

Em uma breve declaração lida para a imprensa por um porta-voz, o diplomata português disse estar "profundamente impactado pelas imagens dos civis assassinados".

"É essencial que uma investigação independente leve à prestação de contas efetiva", garantiu Guterres, que evitou classificar o caso de crime de guerra.

Segundo o governo ucraniano e de acordo com imagens difundidas por veículos de comunicação, foram localizadas centenas de corpos nas ruas, com sinais de execução sumária.

As vítimas estariam trajando roupas civis e muitas delas estavam com as mãos atadas.

As imagens de Bucha geraram forte reação na Europa e em outras partes do mundo, com diversos pedidos de investigação sobre supostos crimes de guerra cometidos pela Rússia, que nega as acusações.

A Procuradoria-Geral da Ucrânia informa que 410 corpos foram encontrados nas ruas dos subúrbios ao norte de Kiev, após a retirada das tropas de Moscou.

O ministro ucraniano das Relações Exteriores, Dmytro Kuleba, pediu ao Tribunal Penal Internacional (TPI) o envio de uma missão de investigação para documentar a situação.

Últimas