Internacional Suposto assassino de Shinzo Abe confessou o crime, revela polícia do Japão

Suposto assassino de Shinzo Abe confessou o crime, revela polícia do Japão

Tetsuya Yamagami, de 41 anos, também afirmou que usou uma arma caseira; ex-primeiro-ministro do Japão foi baleado em meio a um comício ao ar livre

  • Internacional | Do R7, com AFP

Resumindo a Notícia

  • Shinzo Abe é o primeiro-ministro japonês mais longevo
  • O crime chocou o Japão, uma vez que o país tem um baixo nível de violência
  • O suspeito de cometer o assassinato é o desempregado Tetsuya Yamagami, de 41 anos
  • Abe foi um conservador linha-dura que promoveu a revisão da Constituição pacifista do Japão
O ex-primeiro-ministro do Japão Shinzo Abe morreu após ser baleado em comício

O ex-primeiro-ministro do Japão Shinzo Abe morreu após ser baleado em comício

Reuters - 08.07.2022

A polícia japonesa disse, nesta sexta-feira (8), que o suposto assassino do ex-primeiro-ministro Shinzo Abe, o desempregado Tetsuya Yamagami, de 41 anos, confessou ter cometido o crime. O político foi baleado durante um comício ao ar livre para as eleições ao Senado, na região de Nara, no centro-sul do país.

"O suspeito declarou ter rancor contra uma determinada organização e confessou ter cometido o crime porque acreditava que (...) Abe estava ligado a ela", disse um policial sênior da região de Nara.

Yamagami ainda revelou ter usado uma arma de fabricação caseira. A polícia informou que o armamento é "claramente feito à mão, embora uma análise esteja em andamento". 

"Shinzo Abe foi transportado para o hospital às 12h20. Ele estava em estado de parada cardíaca na chegada. A reanimação foi administrada. No entanto, infelizmente, ele morreu às 17h03" (5h03 de Brasília), afirmou Hidetada Fukushima, professor de medicina de emergência no hospital da Universidade de Medicina de Nara, segundo informações da AFP.

Suspeito de ter atirado no ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe é derrubado pela polícia

Suspeito de ter atirado no ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe é derrubado pela polícia

Asahi Shimbun/AFP - 08.07.2022

O crime chocou o Japão, uma vez que o país tem baixo índice de violência e leis muito duras contra a posse de armas.

Shinzo Abe é o primeiro-ministro mais longevo do Japão — governou o país pela primeira vez durante o ano de 2006. Depois, voltou ao poder entre 2012 e 2020. Era um conservador linha-dura que promoveu a revisão da Constituição pacifista do Japão para reconhecer os militares do país e permaneceu politicamente relevante mesmo depois de deixar o cargo.

Últimas