Internacional Tropas da Otan podem sair do Afeganistão em setembro

Tropas da Otan podem sair do Afeganistão em setembro

Ministros da Aliança Atlântica discutirão se missão no país pode terminar ou se 9,6 mil militares devem permanecer na região

Otan pode retirar tropas do Afeganistão em setembro

Otan pode retirar tropas do Afeganistão em setembro

Mustafa Andaleb/Reuters - 27.1.2019

A Otan se uniria aos Estados Unidos para retirar as tropas do Afeganistão em setembro, afirmou nesta quarta-feira (14) a ministra alemã da Defesa, Annegret Kramp-Karrenbauer.

"Sempre afirmamos: nós vamos juntos, nós sairemos juntos", disse a ministra ao canal público de televisión ARD. "Sou favorável a uma retirada ordenada e isto é o que entendo vamos concordar em fazer hoje", completou, em referência à decisão que deve ser tomada pelos países membros da Otan.

Os ministros da Aliança Atlântica devem definir em uma videoconferência nesta quarta-feira se estão reunidas as condições para acabar com a missão da Otan no Afeganistão ou se esta presença de 9,6 mil militares de 36 países deve prosseguir.

Um acordo alcançado entre os talibãs e o governo do ex-presidente americano Donald Trump prevê a saída de todas as forças estrangeiras até 1º de maio.

De acordo com uma fonte da atual administração, o presidente Joe Biden decidiu que as tropas de seu país permanecerão no Afeganistão por mais tempo, mas deixarão o país "sem condições" até 11 de setembro, dia do 20º aniversário dos atentados de 2001 nos Estados Unidos que provocaram a intervenção ocidental no país.

Últimas