Rússia x Ucrânia

Internacional Ucrânia afirma que invasão militar russa causou danos de R$ 502 bi

Ucrânia afirma que invasão militar russa causou danos de R$ 502 bi

Cálculo de autoridades ucranianas envolve estragos em infraestrutura e em negócios locais do país

AFP
Ponte foi destruída na cidade de Irpin, no norte da capital da Ucrânia, Kiev

Ponte foi destruída na cidade de Irpin, no norte da capital da Ucrânia, Kiev

Sergei Supinsky/AFP - 8.3.2022

Uma autoridade do governo de Kiev disse nesta quinta-feira (10) que a invasão russa até agora causou danos de aproximadamente 100 bilhões de dólares (cerca de R$ 502 bilhões) com a destruição de estradas, pontes e negócios na Ucrânia, causando um grande golpe em sua economia.

"Atualmente, cerca de 50% de nossas empresas não estão operando, e aquelas que ainda estão operando não estão em 100%", disse Oleg Ustenko, o principal conselheiro econômico do presidente ucraniano Volodmir Zelenski.

"A situação em termos de crescimento econômico será realmente muito deprimente, mesmo que a guerra pare imediatamente", disse ele em um discurso virtual ao Instituto Peterson de Economia Internacional dos Estados Unidos.

Ustenko reiterou seu apelo para que governos europeus e outros cortem o acesso de Moscou ao "dinheiro de sangue" boicotando o petróleo e o gás natural russos. "Os europeus continuam a pagar esse monstro para matar nosso povo, gente inocente", enfatizou.

Enquanto os países europeus dependem da energia russa para aquecer suas casas, "posso garantir que é muito, muito, muito mais frio no subsolo da Ucrânia, onde as pessoas estão escondidas".

O conselheiro econômico elogiou os Estados Unidos por terem suspendido as importações do petróleo russo e disse esperar que Washington também ajude a criar um "fundo de recuperação" para a Ucrânia.

Arte/R7

Últimas