Internacional Vacinação de profissionais da saúde se torna obrigatória na Alemanha

Vacinação de profissionais da saúde se torna obrigatória na Alemanha

Medida é um primeiro passo antes da obrigatoriedade da imunização para todos, que pode ser aprovada no próximo ano

AFP
Seringas preenchidas com a vacina contra a Covid-19, no sul da Alemanha

Seringas preenchidas com a vacina contra a Covid-19, no sul da Alemanha

Thomas Kienzle/APF - 07.12.2021

Os deputados alemães aprovaram, nesta sexta-feira (10), uma lei que exige que os profissionais da saúde sejam vacinados contra a Covid-19. A medida é um primeiro passo antes da obrigatoriedade da vacinação para toda a população, que pode ser aprovada no início do próximo ano.

O projeto, que visa proteger grupos particularmente vulneráveis, foi amplamente apoiado no Bundestag (em que os social-democratas, ambientalistas e liberais têm a maioria) com 571 votos a favor e 70 contra.

Todas as pessoas que trabalham em hospitais, casas de repouso e centros médicos terão que ser vacinadas ou ter se recuperado da Covid-19.

Os funcionários de centros com pessoas com deficiência, ambulatórios, consultórios médicos, serviços de emergência e estabelecimentos socioeducativos também foram incluídos.

O projeto de lei estabelece que as profissões médicas têm uma "responsabilidade particular", pois estão "em contato estreito e intensivo com os grupos de pessoas que apresentam um risco elevado de infecção e de evolução grave ou mortal da doença".

Esses profissionais têm até 15 de março de 2022 para comprovar a vacinação completa. Caso isso não aconteça, poderão ter que parar de trabalhar.

Últimas