Minas Gerais Advogado é suspeito de matar homem em padaria de Lagoa Santa (MG) 

Advogado é suspeito de matar homem em padaria de Lagoa Santa (MG) 

Após se desentender com a vítima, Henrique Echternacht buscou a arma em casa, voltou e atirou em Luiz Fernando de Paula 

  • Minas Gerais | Vinícius Araújo, Leandro Wagner e Túlio Lopes, da Record TV Minas

Suspeito foi levado para a delegacia

Suspeito foi levado para a delegacia

Repórter/Vinicius Araújo

Um advogado é suspeito de matar um homem de 30 anos, durante a madrugada desta segunda-feira (23), em um padaria, na cidade de Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte. 

Segundo a Polícia Militar, a vítima, Luiz Fernando de Paula Amaral, de 30 anos, estava com a namorada e outras duas mulheres em uma padaria 24 horas, bebendo cerveja.

Testemunhas contaram que o advogado Henrique Antônio Itaborai Echternacht, de 40 anos, chegou ao local sob efeito de bebidas alcoólicas. Ele teria tentado se aproximar do grupo, porém as mulheres teriam se sentido incomodadas, uma vez que o homem estava embriagado. A vítima teria, então, pedido a Henrique que fosse embora. O advogado foi para casa e teria retornado armado, atirando duas vezes contra Luiz, que foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

O suspeito fugiu, mas foi encontrado horas depois pela polícia na própria casa, dormindo. Ele confessou aos policiais que fez uso de drogas e de bebidas alcoólicas.

Últimas