Minas Gerais BH: clientes fazem vaquinha para reconstruir bar destruído pelo fogo

BH: clientes fazem vaquinha para reconstruir bar destruído pelo fogo

Quase R$ 60 mil foram arrecadados em pouco mais de 48 horas de campanha; "Bar do Bigode" deve ser reaberto em até três meses

  • Minas Gerais | Shirley Barroso, da Record TV Minas

Bar foi parcialmente destruído pelo incêndio

Bar foi parcialmente destruído pelo incêndio

Reprodução / Record TV Minas

Vizinhos e clientes do Bar do Bigode, estabelecimento tradicional do bairro do Prado, na região Oeste de Belo Horizonte, organizaram uma vaquinha virtual para ajudar na reconstrução do local, parcialmente destruído por um incêndio na última sexta-feira (2).

Em pouco mais de 48 horas, foram arrecadados quase R$ 60 mil. Um dos sócios do bar, Omar Cunha, mais conhecido como Bigode, se emocionou e agradeceu a solidariedade de todas as pessoas que contribuíram com a campanha.

— É uma ajuda boa pra começar a reforma. Eu agradeço a todo mundo que contribuiu na vaquinha, ao Daniel, que iniciou a vaquinha. Só Deus pra dar muita força e alegria para todos eles e pra mim também.

Segundo Cunha, a solidariedade não veio apenas no meio virtual, mas também presencialmente, com os vizinhos do bar onde ele trabalha há cerca de 30 anos. Um áudio recebido por “Bigode” mostra a filha de um dos clientes prometendo ajudar na reconstrução do bar.

— A menininha falou que chorou muito vendo o vídeo do incêndio e falou que vai pegar as moedas do cofrinho e me dar para comprar mesa e geladeira. Teve um outro menino que veio aqui e trouxe uma nota de R$ 10. Eu não tenho palavras para agradecer.

O Bar do Bigode foi parcialmente destruído por um incêndio no início da noite da última sexta-feira (5). De acordo com testemunhas, o fogo teria começado na cozinha, possivelmente por conta de um rompimento na mangueira do botijão de gás. A previsão é que o bar seja reaberto em três meses.

Últimas