Minas Gerais Caixa de supermercado é morto a tiros durante assalto em BH

Caixa de supermercado é morto a tiros durante assalto em BH

Funcionário de 19 anos que atendeu a dupla de suspeitos estava na primeira semana de trabalho no supermercado, no bairro Tupi

  • Minas Gerais | Virginia Nalon, da Record TV Minas

Câmeras de segurança do local ajudaram a polícia a identificar os suspeitos do crime

Câmeras de segurança do local ajudaram a polícia a identificar os suspeitos do crime

Reprodução/Record TV Minas

Um jovem, de 19 anos, foi assassinado com um tiro nas costas durante um assalto a um supermercado, no bairro Tupi, na região norte de Belo Horizonte. O crime aconteceu no fim do expediente do estabelecimento, às 21h, desta terça-feira (22).

Dois suspeitos entraram na loja, se passando por clientes, e foram direto para o setor de bebidas alcoólicas. Depois, a dupla se dirigiu ao caixa e, um dos assaltantes, sacou a arma pedindo o dinheiro e a chave da moto do funcionário.

Segundo a polícia, a vítima teria tentado conversar com um dos criminosos, que ficou impaciente e atirou no jovem. Ambos fugiram correndo e vários clientes ficaram apavorados com a cena de violência.

Colegas do adolescente morto contaram aos policiais que a vítima, Erivelton Lima Gomes, tinha começado a trabalhar no local há uma semana. O jovem estaria empolgado com o primeiro emprego de carteira assinada.

Prisão

A polícia conseguiu prender três suspeitos envolvidos no crime, na madrugada desta quarta-feira (23). Após receber informações, os militares encontraram Pedro Henrique de Castro, de 18 anos, identificado como o autor do disparo, escondido em uma casa na região.

Um adolescente de 17 anos também foi apreendido. Ele foi apontado pela polícia como um dos autores do assalto. Um terceiro homem, que teria escondido a arma, também foi preso pela polícia.

Na casa, foram encontrados a arma do crime, as roupas usadas no assalto, além do dinheiro e mercadorias roubadas no supermercado.

Últimas