Centro de Saúde é arrombado e população fica sem atendimento

Único Centro de Especialidades Médicas de Sabará (MG) ficou totalmente revirado após ação dos ladrões; local atendia 29 especialidades

Mochila verde foi deixada por ladrões que arrombaram o local

Mochila verde foi deixada por ladrões que arrombaram o local

Record TV Minas

O Centro de Especialidades Médicas de Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte, foi arrombado na madrugada desta quinta-feira (6). Além de levarem vários objetos, os ladrões deixaram o local totalmente revirado, o que afetou a população que precisou do serviço nesta quinta.

A Polícia Militar de Minas Gerais foi acionada por um funcionário que chegou ao local por volta de 6h50. De acordo com os policiais, apenas uma televisão foi roubada.

Uma mala com microondas, ventilador e sanduicheira foi encontrada, além de um carrinho com um frigobar e outro ventilador. A PM acredita que os suspeitos tentou levar os objetos e acabou desistindo.

Além do prejuízo, os ladrões deixaram muita bagunça. Documentos e preservativos foram espalhados pelo chão, portas e vidros foram quebradas e uma impressora ficou danificada.

Prejuízo para população

Por ser o único Centro de Especialidades Médicas da cidade, todos os atendimentos estão suspensos. O local oferecia 29 especialidades, como cardiologia, pré-natal para gravidez de alto risco e assistência a portadores de doenças sexualmente transmissíveis, como a Aids.

O superintendente de Regulação em Saúde de Sabará, Rômulo Morato, lamentou o acontecimento. A unidade de saúde estava operando com 40% da capacidade e, a partir de agora, centenas de pessoas devem ficar sem atendimento.

— Hoje tínhamos alguns atendimentos importantes, como de gravidez, que ficaram comprometidos [...]. Com isso, toda a rede de Saúde de Sabará será afetada.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli