Minas Gerais Corpo de Palhinha, ídolo do Cruzeiro, é velado em Belo Horizonte

Corpo de Palhinha, ídolo do Cruzeiro, é velado em Belo Horizonte

Segundo filha, ex-jogador foi internado após uma infecção ligada a uma prótese que ele usava

Corpo está sendo velado no Parque da Colina

Corpo está sendo velado no Parque da Colina

Foto/Akemí Duarte

Corpo de Palhinha, ídolo do Cruzeiro que morreu aos 73 anos, está sendo velado na manhã desta terça-feira (18), no Cemitério Parque da Colina, no bairro Nova Cintra, na região Oeste de Belo Horizonte.

· Compartilhe esta notícia no WhatsApp
· Compartilhe esta notícia no Telegram

O ex-atacante Vanderley Eustáquio de Oliveira estava internado em um hospital de Belo Horizonte desde o sábado (15) para o tratamento de uma infecção.  Segundo Tatiana Sanches, filha de Palhinha, a infecção estava ligada a uma prótese que o esportista usava.

O jogador fez parte da conquista da Libertadores de 1976 pelo Cruzeiro. Palhinha foi artilheiro da competição ao marcar 13 gols em dez partidas. Em uma passagem de quase dez anos pelo clube mineiro, o jogador conquistou oito campeonatos estaduais.

Palhinha passou pelo Corinthians em 1977, pelo Atlético-MG entre os anos de 1980 e 1982. No mesmo ano, teve uma rápida passagem pelo Santos, depois jogou no Vasco até 1984 e encerrou a carreira em 1985, defendendo o América-MG.

Corpo do jogador, que era natural de Belo Horizonte, será enterrado nesta terça. 

Últimas