Minas Gerais Denúncias de estacionamento em local proibido em BH passam a ter atendimento eletrônico 

Denúncias de estacionamento em local proibido em BH passam a ter atendimento eletrônico 

Número 156 é o mesmo, mas ligações passam a ser registradas por sistema

Estacionar em local proibido pode provocar multa de R$ 53 a R$ 191

Estacionar em local proibido pode provocar multa de R$ 53 a R$ 191

Reprodução/Facebook

A partir deste domingo (1º), denúncias de veículos estacionados em local proibido ou com defeito serão atendidas por um sistema eletrônico apresentado pela BHTrans. O número continua o mesmo - 156 -, mas o usuário será direcionado a uma gravação para registro da ocorrência antes de falar com um atendente.

Leia mais notícias no R7 Minas

Segundo a autarquia que gerencia o trânsito em Belo Horizonte, bastará ao cidadão que fale o nome da rua e o número do local da ocorrência. A empresa garante que, se o sistema não "entender" o endereço, a ligação será direcionada a um atendente.

O sistema eletrônico passa a valer nos casos de comunicação de veículos estacionados em porta de garagem, vagas para deficientes ou carga e descarga ou em caso de problemas mecânicos.

Desde setembro, a BHTrans registrou uma média de 1.578 ocorrências de trânsito por mês relacionadas a estas ocorrências. Segundo a empresa, 83% dos chamados foram atendidos.

Últimas