Minas Gerais Drive-in em estacionamento de hospital de campanha é vetado

Drive-in em estacionamento de hospital de campanha é vetado

Segundo a Secretaria de Planejamento do Governo de Minas, utilização comercial do Expominas só será discutida depois que hospital for desmontado

  • Minas Gerais | Lucas Pavanelli e Célio Ribeiro*, do R7

Hospital de campanha conta com 768 leitos entre enfermaria e estabilização

Hospital de campanha conta com 768 leitos entre enfermaria e estabilização

Divulgação/Imprensa MG/Pedro Gontijo

O Governo de Minas vetou o uso comercial do estacionamento do Expominas, centro de convenções onde está instalado um hospital de campanha para receber pacientes com covid-19 em Belo Horizonte. Nas últimas semanas, uma empresa divulgou que utilizaria o espaço como drive-in para exibição de filmes e espetáculos. 

De acordo com a Seplag (Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão), o Expominas, que é gerido pela Codemge (Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais), foi requisitado pelo Governo de Minas para "garantir a ativação do Hospital [de campanha] e o contrato com o cessionário foi suspenso pela Codemge". 

Com isso, ainda conforme a pasta, "a retomada de qualquer atividade comercial no local só poderá ser discutida a partir do momento em que a utilização do espaço pelo governo estadual não seja mais necessária e que a suspensão seja revertida, uma vez que o concedente é a Codemge, detentora de toda a área onde se encontra o Expominas".

Ou seja, até que o Governo de Minas entregue o Expominas, novamente, à Codemge, nenhuma atividade comercial poderá ocorrer no local onde está instalado o hospital de campanha. 

Drive-in

Conforme mostrou o R7 no dia 18 de julho, uma empresa chamada Rede Autocine Brasil anunciou, em suas redes sociais, que a “Unidade Expominas” será aberta em breve no local.

À época, o dono da empresa, Gipson Mol, disse estar aguardando a sanção, pela Prefeitura de Belo Horizonte de um projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal que libera essa modalidade de evento. No entanto, o terreno pertence à Codemge. 

Mol justificou que o hospital de campanha estava instalado no Galpão de Eventos do Expominas, "do outro lado dos estacionamentos" e que o acesso e as entradas são independentes. 

A reportagem procurou o empresário, novamente, para se manifestar sobre o assunto, mas não obteve resposta. 

Hospital de Campanha

O hospital de campanha de Belo Horizonte conta com 768 leitos, entre enfermaria e estabilização, e foi entregue pelo Governo de Minas no final de abril. A estrutura foi aberta no início do mês com capacidade reduzida.

* Estagiário do R7, sob supervisão de Lucas Pavanelli

Últimas