Minas Gerais Duas avenidas de BH vão receber caixas de som para ampliar áudio dos blocos no Carnaval

Duas avenidas de BH vão receber caixas de som para ampliar áudio dos blocos no Carnaval

Sistemas devem beneficiar grupos que irão desfilar nas vias na festa que deve arrastar 6,7 milhões de foliões

  • Minas Gerais | Akemí Duarte, da Record Minas

Expectativa da prefeitura é chegar a 6 milhões e 700 mil foliões no carnaval de 2024

Expectativa da prefeitura é chegar a 6 milhões e 700 mil foliões no carnaval de 2024

Reprodução / Reuters

O Carnaval 2024 de Belo Horizonte terá novidades na estrutura: duas importantes avenidas vão receber caixas de som capazes de reproduzir, em tempo real, as músicas dos blocos que estarão nas vias. A medida visa garantir que o folião consiga ouvir a banda, mesmo estando distante dos trios elétricos que arrastam centenas de milhares de pessoas.

O sistema será instalado nas avenidas dos Andradas e Amazonas, informou a prefeitura. O investimento será de R$ 4,5 milhões para atender 17 blocos que passarão pelas vias.

O presidente da Liga dos Trios, Kerison Lopes, elogiou a medida, que, segundo ele, deve contribuir para a melhor qualidade das apresentações dos artistas. "O som ficará com muito mais qualidade, contribuindo para o trabalho dos artistas e da bateria, mas também para o público, que sempre reclamou que não conseguia ouvir direito", avalia.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu Whatsapp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

O Governador de Minas, Romeu Zema (NOVO), e o prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD), assinaram na tarde desta quinta-feira (14) um protocolo de intenções. O carnaval da capital mineira deve receber aproximadamente R$ 8 milhões. Segundo o Secretário de Cultura e Turismo, esse valor ainda pode aumentar.

De acordo com o levantamento divulgado pela Belotur, a festa movimentou R$ 720 milhões em 2023 e gerou 20 mil vagas de empregos temporários. Além disso, 16 mil ambulantes foram cadastrados.

Para o ano de 2024, a expectativa da prefeitura é chegar a 6,7 milhões de foliões nas ruas, entre moradores e turistas, junto com o aumento de 30% de ocupação dos hotéis. O município já cadastrou 536 blocos de rua.

Com o intuito de atrair mais turistas e reforçar Minas Gerais como um dos principais destinos do carnaval do Brasil, o governo lançou uma parceria com uma empresa de turismo para pacotes especiais de viagem.

Últimas