Minas Gerais Duas regiões de Minas poderão flexibilizar medidas de restrição

Duas regiões de Minas poderão flexibilizar medidas de restrição

Decisão do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 passou as regiões Norte e Sudeste para a Onda Amarela do Minas Consciente

Nove regiões estao na Onda Vermelha

Nove regiões estao na Onda Vermelha

Divulgação/Prefeitura Uberlândia

O Comitê de Enfrentamento à Covid-19, do Governo de Minas, permitiu que as prefeituras que fazem parte das macrorregiões Norte e Sudeste avancem da Onda Vermelha para a Onda Amarela, do programa Minas Consciente, a partir do próximo sábado (15). 

A decisão, publicada nesta quinta-feira (13), é justificada pelo Comitê pela queda na incidência e na ocupação de leitos nas duas regiões. 

De acordo com as regras do programa Minas Consciente, desde já Onda Vermelha já é permitida a abertura de todo tipo de comércio. Agora, na Onda Amarela, as regiões poderão permitir a realização de eventos para até 100 pessoas. Além disso, a capacidade de pessoas dentro dos estabelecimentos comerciais pode ser aumentada. Na Onda Vermelha, os comércios precisam respeitar o funcionamento com uma pessoa a cada 10 metros quadrados. Já na Onda Amarela, a regra prevê uma pessoa a cada 4 metros quadrados de área. 

Mudanças

Com as mudanças definidas hoje pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19, nove das 14 macrorregiões estão na Onda Vermelha e cinco na Onda Amarela. 

De acordo com o Comitê, a região do Jequitinhonha foi mantida na Onda Amarela, mas os indicadores vem sendo monitorados diariamente. Com isso, é possível que, na semana que vem, as prefeituras regidam para a Onda Vermelha. 

Confira as macrorregiões na Onda Vermelha:

- Centro
- Centro-Sul
- Leste
- Leste do Sul
- Nordeste
- Noroeste
- Oeste
- Sul
- Triângulo do Sul

Confira as macrorregiões na Onda Amarela:

- Norte
- Sudeste
- Triângulo do Norte
- Vale do Aço
- Jequitinhonha

Últimas