Minas Gerais Ex-marqueteiro de Aécio é alvo da Polícia Federal

Ex-marqueteiro de Aécio é alvo da Polícia Federal

Na campanha de 2014, Paulo Vasconcelos atuou como marqueteiro do senador Aécio Neves, que foi candidato a presidência da República

marqueteiro aécio neves polícia federal

Marqueteiro trabalhou com Aécio na campanha em 2014

Marqueteiro trabalhou com Aécio na campanha em 2014

Foto: Mateus Bonomi/Folhapress

Dois endereços do publicitário mineiro Paulo Vasconcelos foram alvos da operação Ross, da Polícia Federal, na manhã desta terça-feira (11). Os federais realizaram busca e apreensão de documentos na residência e na empresa do publicitário em Brumadinho e Belo Horizonte, respectivamente. 

Na campanha de 2014, Paulo Vasconcelos atuou como marqueteiro do senador Aécio Neves, que foi candidato a presidência da República. Ele está prestando depoimento na polícia. A reportagem está tentando falar com o advogado dele.

Ao todo, a PF cumpriu 11 mandados de busca e apreensão em Minas. Além de Vasconcelos, os investigadores fizeram buscas nos endereços de Aécio, da jornalista Andrea Neves, irmã do tucano e do primo dele, Frederico Pacheco.

Desdobramento da operação Patmos, desencadeada em 2017, a Ross apura a suposta compra de apoio político do Solidariedade, legenda controlada pelo deputado federal Paulinho da Força, e do PTB, da deputada federal Cristiane Brasil, filha de Roberto Jefersson. As duas legendas apoiaram o PSDB em 2014.  A investigação é fruto da delação premiada da JBS, do empresário Joesley Batista.