Minas Gerais Jato retorna a aeroporto após pane e sai da pista durante pouso em BH

Jato retorna a aeroporto após pane e sai da pista durante pouso em BH

Aeronave parou no campo que fica no entorno da pista do Aeroporto da Pampulha e ninguém ficou ferido; já em solo, uma das turbinas pegou fogo

  • Minas Gerais | Virgínia Nalon, da Record TV Minas, com Pablo Nascimento, do R7

Causas do acidente vão ser investigadas

Causas do acidente vão ser investigadas

Reprodução / Record TV Minas

Um jato sofreu uma pane, em pleno voo, e saiu da pista enquanto tentava pousar de volta no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, na noite desta segunda-feira (7). Três pessoas estavam a bordo e nenhuma delas ficou ferida.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, quando a aeronave já estava em solo, uma das turbinas pegou fogo. O incêndio foi controlado por brigadistas do terminal.

O avião havia decolado do mesmo local aproximadante 15 minutos antes. Com o incidente, a pista da unidade ficou fechada por quase uma hora para que as equipes de resgate trabalhassem com segurança. As operações no aeroporto, que só opera voos particulares, já voltaram ao normal.

Na manhã desta terça-feira o avião continuava no campo gramado que fica na cabeceira da pista. Ela teve danos no motor, na asa e no trem de pouso. Fotos feitas no local mostram que uma das rodas se soltou.

O comandante Eduardo Barbatti, piloto da Record TV Minas, explica que o que houve no local foi uma excursão de pista overrun, que é quando a aeronave passa direto na hora de pousar.

— A excursão pode ser tanto lateral quanto no final da pista, como foi neste caso. Por pouco, a aeronave não acabou batendo na estrutura que se chama localizer, que auxilia os pousos por instrumento.

Jato

O Jato modelo G200 de fabricação israelense é particular e está no nome de um banco privado. Ele é considerado um modelo pesado, de porte médio com capacidade para até 10 pessoas. A reportagem procurou a empresa dona do avião para comentar sobre o acidente, mas ainda não teve retorno.

No registro da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o jato está com a documentação em dia. As causas da pane vão ser investigadas pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Últimas