Minas Gerais Kalil vai se reunir com lojistas para discutir reabertura da cidade

Kalil vai se reunir com lojistas para discutir reabertura da cidade

Comerciantes querem retorno das atividades no início de agosto para não perderem as vendas do Dia dos Pais; prefeitura pede cautela diante pandemia

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Prefeito volta a se encontrar com empresários

Prefeito volta a se encontrar com empresários

Divulgação / PBH / Amira Hissa

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), volta a se reunir com representantes do comércio da capital mineira, na tarde desta quinta-feira (30), para discutir sobre o futuro das lojas da cidade, que estão fechadas há mais de quatro meses em função do decreto de combate à covid-19.

Entre os participantes do encontro estará Nadim Donato, presidente do Sind-Lojas BH (Sindicato de Lojistas de Belo Horizonte). O representante da categoria defende a reabertura dos estabelecimentos já para o início de agosto, na tentativa de não perder as vendas do Dia dos Pais.

A decisão, no entanto, ainda é incerta, já que a equipe de Kalil vem alegando que só vai retomar a reabertura da cidade após autorização dos médicos que fazem parte do comitê municipal de controle ao coronavírus.

Em conversa com o R7 nesta quarta-feira (29), o infectologista Estevão Urbano, membro do grupo, afirmou que ainda não é possível afirmar que a situação está controlada na cidade. O especialista, destacou, no entanto, que o Executivo trabalha para chegar a um consenso de reabertura junto ao empresariado.

Uma das preocupações em relação do grupo de médicos que monitoram a pandemia na cidade é a ocupação de leitos.

— Os números têm se mantido no mesmo nível, mas isso é diferente de dizer que estão reduzindo.

Segundo dados da prefeitura, 87% de todas as UTIs (unidades de tratamento intensivo) da cidade estão com pacientes. Levando em consideração os centros de atendimento exclusivos para pacientes com covid-19, o percentual sobe para 91%. Para a Secretaria Municipal de Saúde, o número representa um alerta vermelho.

Leia também: Confira quais comércios podem abrir em BH

Belo Horizonte lidera a lista de cidades mineiras com mais casos de covid-19, registrando 18.614 infectados e 498 óbitos. A capital voltou a confirmar novas mortes, nesta quinta-feira, após ficar 24 horas sem alteração no número. Entre esta terça-feira (28) e quarta-feira (29) o total de óbitos na capital mineira se manteve em 482 registros.

Últimas