Minas Gerais Luz acaba e noiva entra à luz de celulares em casamento em MG

Luz acaba e noiva entra à luz de celulares em casamento em MG

Lugar ficou às escuras e fotógrafo pediu aos convidados para acenderem as lanternas dos celulares para iluminar a entrada da noiva em Uberlândia 

Noiva entrou em corredor iluminado por celulares

Noiva entrou em corredor iluminado por celulares

Arquivo Pessoal / Marcos Paulo Produções

Uma cerimônia de casamento foi iluminada não a luz de velas mas sim a de luz das lanternas de celulares. A cerimônia de união entre Anaisa Bessa e Hudson Bessa, aconteceu no último sábado (20), em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, a 543 km de Belo Horizonte. Pouco tempo antes de a noiva subir ao altar a energia do bairro acabou e a Igreja ficou às escuras.

Com a falta de luz, o fotógrafo do casamento improvisou e pediu aos convidados que ligassem as lanternas de seus celulares para iluminarem a entrada de Anaisa. Em vídeos gravados pelas pessoas que estavam no local, mostra o vestido da noiva refletindo os pontos de luz.

— A cerimônia já tinha começado quando a luz acabou. Então, o fotografo teve a ideia de acender as luzes dos celulares.

A entrada da noiva foi feita à capela. Hudson cantou a música Aleluia enquanto a esposa passava pelo corredor iluminado. Ela contou que no momento em que andava em direção ao altar se emocionou com os convidados acendendo as luzes para ela.

— Eu fiquei muito agraciada no momento em que as pessoas fizeram um corredor de luz muito intenso e com muito amor.

Como se programado, quando Anaisa se aproximava do noivo, que a aguardava no altar, a luz da Igreja voltou a funcionar. De acordo com os noivos, neste momento, todos cantavam o refrão da música.

— Exatamente quando todos estavam cantando “Aleluia” a luz se acendeu. Tudo aconteceu sem programar e sem ser pedido.

*Estagiária do R7 sob supervisão de Lucas Pavanelli