Metrô de BH vai proibir usuário sem máscara a partir desta quarta (22)

A decisão cumpre decreto da prefeitura da capital mineira que obriga o uso de máscaras ou cobertura sobre nariz e boca a partir desta quarta-feira (22)

Máscaras serão obrigatórias nas 19 estações

Máscaras serão obrigatórias nas 19 estações

Divulgação/CBTU

A partir desta quarta-feira (22), usuários do metrô de Belo Horizonte que não estiverem utilizando máscaras serão impedidos de entrar nos vagões em todas as 19 estações. A medida está prevista no decreto assinado pelo prefeito Alexandre Kalil (PSD) na última sexta-feira (17) e que entra em vigor hoje. 

De acordo com a CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos), a decisão ficará em vigor por tempo indeterminado. A companhia pede, ainda, que os usuários fiquem atentos ao cumprimento da norma durante a circulação pelas estações já que o uso do equipamento de proteção individual é obrigatório para entrar e permanecer nas estações e nos trens.

A CBTU, disse que está providenciando cartazes informativos sobre o uso correto das máscaras, como forma de prevenir os usuários e evitar a propagação do vírus. A companhia também informou que distribuiu cerca de 4 mil máscaras individuais e mais de 500 litros de álcool 70% para o uso dos funcionários.

Decreto

O decreto da Prefeitura de Belo Horizonte também prevê a obrigatoriedade da máscara nas ruas da capital mineira e em estabelecimentos comerciais essenciais, que seguem funcionando. A regra também limita a permanência de pessoas dentro dos estabelecimentos a uma pessoa a cada 13 m². 

*Estagiária do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli