Minas Gerais MP pede na Justiça recall de todos os Onix vendidos desde 2012 no país

MP pede na Justiça recall de todos os Onix vendidos desde 2012 no país

Ação diz que modelo teve nota zero em testes de segurança e não atende regras básicas das Nações Unidas; veículo é líder de vendas no país

  • Minas Gerais | Célio Ribeiro*, do R7

Onix gerou receita de mais de R$ 8 bi entre 2012 e 2019

Onix gerou receita de mais de R$ 8 bi entre 2012 e 2019

Reprodução / Minuto Motor

O MPF (Ministério Público Federal), em conjunto com o MPMG (Ministério Público de Minas Gerais), entrou com uma ação civil contra a General Motors do Brasil pedindo o recall de todos os automóveis Chevrolet Onix vendidos no Brasil desde 2012.

O carro é o líder de vendas no país, com mais de 1 milhão de unidades comercializadas entre 2012 e 2019 e gerando uma receita de mais de R$ 8,3 bilhões para a companhia.

Segundo o MPMG, o modelo recebeu, em 2017, nota zero em testes de segurança que avaliaram a proteção dos ocupantes em caso de batidas laterais.

De acordo com o procurador da República, Cléber Eustáquio Neves, as falhas do carro são “gritantes” e, durante um dos testes, a porta traseira se abriu sozinha. Neves também afirmou que os modelos vendidos no exterior não apresentam essas falhas.

— O modelo vendido no Brasil não cumpre as regras básicas contra impacto da ONU (Organização das Nações Unidas), enquanto os modelos equivalentes da GM na Europa e Estados Unidos têm resultados muito melhores.

O processo também aciona o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) e a União. O texto da ação acusa a montadora de ter consciência desses riscos e diz que a omissão do Estado brasileiro se dá pelo fato do Onix ser “uma máquina fabulosa de dinheiro”, gerando, ao menos, R$ 2 bilhões em tributos por ano.

A reportagem entrou em contato com a General Motors do Brasil, montadora responsável pelo Chevrolet Onix, e aguarda o retorno da empresa.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli

Últimas