Minas Gerais Mulher morre ao cair de cobertura de prédio durante festa em BH 

Mulher morre ao cair de cobertura de prédio durante festa em BH 

Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar as causas da morte de Hilma Morais; namorado alega que ela teria se jogado, mas família contesta versão

  • Minas Gerais | Shirley Barroso, da Record TV Minas

A Polícia Civil investiga as causas da morte de uma mulher que caiu da varanda de aproximadamente 15 metros durante uma festa em uma cobertura de prédio, no bairro Castelo, na região da Pampulha, em Belo Horizonte, neste sábado (21).

O namorado de Hilma Balsamão de Morais, de 38 anos, alegou aos militares que a vítima teria se pendurado no parapeito da cobertura durante uma briga do casal. Já a família da vítima contesta a versão, dizendo que a mulher não teria motivos de se matar.

O corpo de Hilma foi enterrado no cemitério Bosque da Esperança, em Belo Horizonte, na tarde deste domingo (22). De acordo com uma vizinha do local, que pediu para não ser identificada, brigas entre o casal eram frequentes. 

— Sempre discussão de ambas as partes. Os dois gritando, muito barulho, coisa batendo, pedido de socorro, mas era uma discussão de igual para igual. 

Briga

Vizinhos contaram à Polícia Militar que por volta das 23 horas, foram ouvidos gritos, quebradeira e uma discussão intensa. Em seguida um forte barulho. O morador do primeiro andar foi até a área privativa do apartamento dele e encontrou Hilma caída ao chão já sem vida.

Vítima estava em uma festa na casa do namorado

Vítima estava em uma festa na casa do namorado

Reprodução/RecordTVMinas

Os próprios moradores chamaram os militares. O empresário disse aos agentes que durante a discussão pediu ao filho que registrasse a briga com o celular. Hilma não teria gostado, pegou o aparelho das mãos do adolescente, jogou no chão e quebrou.

Nesse momento, o homem contou que ela teria se afastado dos dois, foi até a piscina, debruçou no parapeito e se jogou. Algumas pessoas que participavam da festa contaram que estavam no andar de baixo, só ouviram o barulho e avistaram a mulher caída no primeiro andar.

A vizinha conta que estranhou o comportamento do empresário diante da tragédia, dizendo que o namorado estava bastante calmo com toda a situação. Já Mauro Morais Filho, irmão da vítima, a família busca justiça pelo caso.

— A gente só quer a Jusitça, que a verdade apareça, seja qual for. 

Últimas