Minas Gerais Polícia conclui que baterista do Lagum morreu de causas naturais

Polícia conclui que baterista do Lagum morreu de causas naturais

Breno Braga, também conhecido como Tio Wilson, teve uma miocardiopatia dilatada logo após uma apresentação da banda em Nova Lima, na Grande BH

  • Minas Gerais | Leonardo Gimenez*, da Record TV Minas, com Célio Ribeiro*, do R7

Baterista morreu logo após um show da banda Lagum

Baterista morreu logo após um show da banda Lagum

Reprodução / Instagram

A Polícia Civil concluiu que o baterista da banda Lagum, Breno Braga, mais conhecido como Tio Wilson, morreu de causas naturais.

O laudo que investigava a morte do músico foi concluído nesta sexta-feira (11). Segundo os investigadores, a morte foi em decorrência de uma miocardiopatia dilatada, um problema que ocorre quando o coração perde a força necessária para bombear o sangue.

O músico morreu em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte, no dia 12 de setembro, logo após uma apresentação no formato drive-in. O show começou às 21h e, como todos os ingressos se esgotaram rapidamente, o grupo decidiu abrir uma sessão extra para às 23h.

Veja: Fãs lamentam a morte de Tio Wilson, baterista da banda Lagum

De acordo com o comunicado oficial emitido pela assessoria da banda naquela noite, o músico passou mal e morreu entre as apresentações. Ele foi enterrado no dia seguinte em Contagem, também na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele era filho do vice-prefeito da cidade, William Barreiro (PSB).

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli.

Últimas