Minas Gerais Polícia investiga morte causada por suposta intoxicação por cerveja

Polícia investiga morte causada por suposta intoxicação por cerveja

Idoso de 61 anos morreu nesta quinta-feira (27), em Juiz de Fora, com insuficiência renal causada por ingestão de substância tóxica

Idoso morre intoxicação cerveja

Idoso morre intoxicação cerveja

Reprodução

A Polícia Civil e a Secretaria de Municipal de Saúde de Juiz Fora, a 262 km de Belo Horizonte, investigam a morte de um idoso, de 62 anos, na última quinta-feira (27), que pode estar relacionada à intoxicação por consumo de cerveja.

Um exame feito no Hospital Albert Sabin, na cidade da Zona da Mata encontrou traços de uma substância conhecida como dimetil glicol. 

No dia da morte do idoso, a mulher dele fez um boletim de ocorrência para relatar o caso. De acordo com as informações presentes no B.O, no dia 9 de maio, Antônio Paulo dos Santos deu entrada na emergência da unidade de saúde com sintomas de intoxicação alimentar.

Dois dias antes, ele teria comido uma feijoada em um bar e levado quatro latas de cerveja para casa. Após beber duas delas, o homem começou a passar mal.

Após ser medicado, o idoso recebeu alta no mesmo dia, mas voltou ao Hospital Albert Sabin quatro dias depois, com um quadro de insuficiência renal, e foi intubado no mesmo dia. 

De acordo com o boletim de ocorrência, o diretor do Hospital, disse que um exame apontou a presença da substância tóxica no organismo de Antônio Paulo, o que pode ter causado a sua morte pouco mais de 10 dias depois. 

Investigação 

A Prefeitura de Juiz de Fora, por meio de nota informou que a Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde, "a pedido do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde de Minas Gerais, recolheu e enviou para análise alimento suspeito, que pode estar relacionado a caso grave de intoxicação alimentar."

A Funed (Fundação Ezequiel Dias) está analisando os conteúdos e o resultado será divulgado no fim das apurações. 

A Polícia Civil informou que a 6ª Delegacia de Polícia Civil em Juiz de Fora segue com  um "procedimento investigativo instaurado pela delegada responsável, a fim de apurar o fato. Entre os trabalhos investigativos, também será aguardado o laudo de necropsia para determinar a causa da morte. Mais informações serão repassadas em momento oportuno."

Últimas