Minas Gerais Policial é investigado por maus-tratos a cão em Belo Horizonte

Policial é investigado por maus-tratos a cão em Belo Horizonte

Vídeo mostra o suspeito espancando o animal na casa onde mora, na região de Venda Nova; investigadores recolheram cachorros que vivem com o PM

  • Minas Gerais | Shirley Barroso, da Record TV Minas

Outro cão acompanhou a sessão de espancamento

Outro cão acompanhou a sessão de espancamento

Reprodução / Record TV Minas

A Polícia Civil de Minas Gerais investiga um policial militar de Belo Horizonte por maus-tratos a animais. O homem foi gravado em um vídeo em que aparece espancando um cão na casa onde mora, na região de Venda Nova.

Nas imagens, o cachorro late alto enquanto é atingido com algo que se parece com uma camisa molhada. Atrás do militar, um outro cão acompanha o espancamento. Em seguida, o agressor joga o animal de lado e sai andando.

Segundo os investigadores, as imagens foram gravadas no início deste mês. A Delegacia de Crimes Contra a Fauna instaurou um inquérito para investigar o caso e o suspeito chegou a negar as agressões.

Em continuação às apurações, policiais civis foram até a casa do militar nesta terça-feira (19) e recolheram os dois cães que vivem com o suspeito.

Segundo a delegada Carolina Bechelane, o militar estava em casa quando o mandado de busca foi cumprido. O homem não resistiu à ação, mas se mostrou surpreso. Agora, os investigadores querem saber o que motivou a sessão de maus-tratos.

— Em breve ele [o suspeito] vai ser intimado e, aí sim, vai ser o momento de prestar as declarações. Ele está sendo investigado pela prática do crime de maus-tratos.

Atualmente, a lei prevê pena de três meses a um ano de prisão e multa para este tipo de crime. Até que as investigações sejam concluídas, os animais vão ficar com tutores provisórios indicados pela Polícia Civil. A reportagem não conseguiu contato com a defesa do suspeito.

Veja imagens:

Últimas