Minas Gerais Senado deve votar ainda neste ano criação de novo tribunal em BH

Senado deve votar ainda neste ano criação de novo tribunal em BH

Previsão foi feita pelo presidente da Casa, Rodrigo Pacheco, durante cerimônia de homenagem no Ministério Público de MG

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco

Adriano Machado/Reuters-14/04/2021

Rodrigo Pacheco (DEM), presidente do Senado, espera que a Casa vote ainda neste ano a criação do TRF-6 (Tribunal Regional Federal da Sexta Região), com possível sede em Minas Gerais.

A informação foi divulgada durante evento no MPMG (Ministério Público de Minas Gerais), em Belo Horizonte, onde o senador foi homenageado, nesta segunda-feira (7).

O projeto foi autorizado pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça) em 2019 e aprovado pela Câmara dos Deputados no ano passado. O texto prevÊ que a criação do tribunal só deve ocorrer, de fato, após o estado de calamidade instaurado em função da pandemia de covid-19.

Na avaliação de Pacheco, a iniciativa vai desafogar o sistema Judiciário e não terá impactos financeiros, já que o novo órgão deve ser instalado com parte do caixa já vigente.

Homenagem

A reunião de condecoração contou com a presença do chefe do MP, o procurador-geral de Justiça Jarbas Soares, do governador de Minas Gerais, Romeu Zema Novo (Novo), do presidente da ALMG (Assembleia Legislativa de Minas Gerais), Agostinho Patrus (PV), do senador Antonio Anastasia (PSD-MG) e outras autoridades. O presidente do Senado, que é advogado e fez carreira política em Minas Gerais, já foi estagiário do MPMG.

Durante a cerimônia, Pacheco criticou a polarização política no país, defendeu a autonomia dos poderes e elogiou o histórico político do Estado.

— Minas Gerais deu ao Brasil conciliadores natos. Longe de mim querer me comparar a qualquer deles, mas que sirvam de exemplo a mim e a qualquer outra pessoa que está começando na carreira política.

Últimas