Agências da Caixa seguem com filas e aglomerações

As unidades amanheceram lotadas nesta segunda-feira (4)

As unidades amanheceram lotadas nesta segunda-feira (4)

As unidades amanheceram lotadas nesta segunda-feira (4)

Folha de Pernambuco

Apesar das medidas adotadas para diminuição de filas e agilidade no atendimento, agências da Caixa Econômica Federal no Recife amanheceram, mais uma vez, com filas e aglomerações. Nesta segunda-feira (4), as agências de todo o País começaram a abrir as portas duas horas mais cedo, com funcionamento das 8h às 14h. Desde 22 de abril, 1.102 agências já vinham funcionando nesse horário. A mudança visa agilizar o atendimento e evitar filas de pessoas aptas a receber o auxílio emergencial de R$ 600. 

O banco também anunciou que, a partir desta segunda-feira, terá reforço no número de vigilantes nas suas unidades. Serão mais 2.800 que vão se juntar aos 2 mil que já estavam atuando. Além deles, outras 389 recepcionistas vão reforçar orientação e atendimento ao público.

Leia mais
Caixa abre duas horas mais cedo a partir desta segunda-feira
INSS abre inscrições para contratar temporários


A reportagem visitou três unidades da Caixa Econômica Federal na manhã desta segunda-feira (4), todas com filas e aglomerações. Na unidade da avenida Marquês de Olinda e da Praça da República, no Centro do Recife, os agentes organizavam as filas apenas no lado de dentro das agências. Já na unidade da avenida Guararapes, guardas municipais organizavam a fila do lado de fora.

Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, as filas nas agências do banco ocorrem porque os beneficiários do Bolsa-Família e os informais sem conta demandam atendimento pessoal. No sábado (9), 1,4 mil agências vão abrir para realização do saque do auxílio emergencial, serão 498 a mais que no último sábado (2), quando 902 unidades estavam à disposição da população.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte