Autos Carros [Avaliação] HB20 Sense 1.0 fica mais seguro na versão básica

[Avaliação] HB20 Sense 1.0 fica mais seguro na versão básica

Compacto traz as virtudes de um modelo de entrada e acaba de ganhar mais dois airbags e controles de tração e estabilidade

Resumindo a Notícia

  • Modelo vem equipado com motor três cilindros de 75/80 cv
  • Carro traz de série a direção elétrica
  • HB20 sense fez uma média de 11,7km/litro com etanol na cidade
  • Versão de entrada custa R$ 57,6 mil
Motor entrega 75/80 cv

Motor entrega 75/80 cv

Marcos Camargo Jr. 14.02.2021

Em que pese o visual polêmico o Hyundai HB20 é um sucesso de vendas no mercado. Na primeira quinzena de abril foi o carro de passeio mais vendido do país uma vez que o Chevrolet Onix enfrenta uma paralisação na produção por falta de peças. Desta vez o R7-Autos Carros avaliou a versão mais simples do compacto, a Sense, equipada com motor 1.0 aspirado e que agora ganha controle de tração e estabilidade além de dois airbags adicionais*.

HB20 1.0 Sense 2022 O QUE MUDOU? Ficou mais seguro? REVIEW DA VERSÃO DE ENTRADA do pé de boi Hyundai. Veja o vídeo!

O visual confirma que se trata de uma versão de entrada. Não há cromados nem mesmo maçaneta com pintura na cor do veículo. A grade tem moldura na cor preto brilhante enquanto os elementos centrais são na plástico escuro. O mesmo ocorrre no retrovisor. Por dentro, bancos em tecido (os mesmos de quando o carro estreou, em 2014) e nada de detalhes cromados. Tudo é simples mas essencial.

Rodamos cerca de 700km com o carro que fez uma média de 11,7km/litro com etanol na cidade

Rodamos cerca de 700km com o carro que fez uma média de 11,7km/litro com etanol na cidade

Marcos Camargo Jr. 14.02.2021

Nesta versão o HB20 Sense traz de série a direção elétrica, ar condicionado manual e um simples rádio bluetooth que tem boa qualidade sonora. Vidros elétricos estão presentes só na frente e os únicos detalhes em cinza estão na moldura da coifa do câmbio e no pomo da alavanca que controla a transmissão de cinco marchas.

Economia e dignidade
O Hyundai HB20 Sense 1.0 ganhou muito com os novos dispositivos de segurança. Nas curvas o controle de tração e estabilidade ajudam a tornar a direção mais segura sem flutuações que antes eram comuns. Mesmo com apenas 75/80cv do motor três cilindros aspirado o HB20 dá conta do recado com seu baixo peso permitindo boa economia de combustível. Rodamos cerca de 700km com o carro que fez uma média de 11,7km/litro de etanol na cidade e 13km na estrada. Em alta velocidade, porém, o motor mostra sua natural limitação de giro mais alto enquanto o consumo não é tão favorecido. Mas na cidade o compacto se mostra ligeiro, com direção leve e dimensões compactas que facilitam as manobras.

Versão básica não tem central multimídia

Versão básica não tem central multimídia

Marcos Camargo Jr. 14.02.2021

Falta alguma coisa?
Faltam equipamentos? Certamente. E quem compra um carro zero hoje em dia acaba equipando o veículo com itens como multimídia, câmera e sensores de re, desbloqueio de funções de vídeo e também automatização de vidros elétricos. Faz parte. Mas considerando o preço de R$ 57,6 mil na versão de entrada ele custa menos que seus concorrentes e ainda tem cinco anos de garantia. As 6 primeiras revisões do HB20 1.0 custam R$ 3,3 mil o que é outra vantagem.

Carro custa menos que seus concorrentes e ainda tem cinco anos de garantia

Carro custa menos que seus concorrentes e ainda tem cinco anos de garantia

Marcos Camargo Jr. 14.02.2021

Para um carro de entrada o HB20 Sense cumpre bem sua função. O modelo de entrada concorre com outros da categoria como Fiat Argo Drive 1.0, Chevrolet Onix LT 1.0, Renault Sandero Zen 1.0SCe, além de Volkswagen Polo 1.0 MPI, todos já acima de R$ 60 mil com a mesma lista de equipamentos.

Últimas