Autos Carros Fiat Strada “barata” tem mesmos itens de segurança da Volcano: veja

Fiat Strada “barata” tem mesmos itens de segurança da Volcano: veja

Utilitária mais em conta usa motor 1.4 Fire de 88cv mas dá conta do recado: vale ficar atento aos itens opcionais que podem fazer o preço encostar na versão seguinte, a Freedom, já com 109cv

  • Autos Carros | Marcos Camargo Jr

Marcos Camargo Jr

A nova geração da Fiat Strada traz várias evoluções que mostramos aqui no R7-Autos Carros como nova plataforma, itens de série e controles específicos para um utilitário. Depois de avaliarmos a versão topo Volcano com cabine dupla foi a vez de avaliarmos a Versão mais em conta, a Endurance equipada com cabine simples chamada de “Plus” pela Fiat.

Fiat Divulgação

Começa pelo visual despojado; pára-choques sem pintura assim como retrovisores já mostram o propósito de um certo feito para trabalhar. No espaço interno pouca mudança além do estepe posicionado abaixo da caçamba o que rende espaço diminuto para colocar uma sacola ou outro objeto entre o banco e o limite da cabine.

No motor 1.4 Fire, o mesmo do velho Uno, nenhum ajuste mas mesmo com seus 88cv ela rende o suficiente com o câmbio de cinco marchas já conhecido.

Fiat Divulgação

Na versão testada com o pacote Tech, há uma boa multimídia com sistema Uconnect, sensor e câmera de ré além do alarme na chave, itens necessários até para uma utilitária. De série ela conta com direção hidráulica, ar condicionado além dos obrigatórios freios ABS e duplo airbag.

Novos controles

Caçamba comporta até 720kg de carga: a maior da categoria na versão Cabine Plus

Caçamba comporta até 720kg de carga: a maior da categoria na versão Cabine Plus

Marcos Camargo Jr

Apesar de manter o motor é o câmbio antigos nosso teste com a Strada mostra várias evoluções que são itens de série. Controle de estabilidade e tração mantém a trajetória segura com ou sem carga e o ajuste da suspensão deixou a traseira igualmente mais firme sem solavancos das antigas versões. Quem compra Strada vai saber que a suspensão traseira com mola foi mantida e a robustez é a mesma em pisos arenosos ou mesmo com lama e cascalhos.

O sistema TC+ também está na versão de entrada. Em caso de falta de tração ele direciona a força de forma instantânea. Longe de ser uma tração integral mas já ajuda em pequenas demandas. E o ABS Off Road quando exigido mantém a trajetória reta mesmo em frenagens agressivas.

Caçamba com capota marítima vendida a parte por R$ 800 protege o compartimento

Caçamba com capota marítima vendida a parte por R$ 800 protege o compartimento

Marcos Camargo Jr

É certo que quando carregada com até 720kg a Strada se mostra nada além do suficiente para seus parcos 88cv. Se a demanda for para uso em estrada vale a pena apostar nas versões com Firefly 1.3 de 109cv. Nos dois modelos o ajuste do câmbio privilegia a tração e ela sempre anda com giro mais alto em relação a um carro de passeio comum.

Nova linha traseira da Strada lembra ainda mais a Toro nas lanternas e linha elevada da caçamba

Nova linha traseira da Strada lembra ainda mais a Toro nas lanternas e linha elevada da caçamba

Marcos Camargo Jr

Ao longo do nosso teste a Strada fez 7,4km/litro com etanol em percurso 100% urbano sob trânsito intenso. Ficou abaixo dos 8,3km/litro informados pela Fiat ao Inmetro. O valor da Fiat Strada Endurance avaliada é R$ 63.590,00 porém com opcional do pacote Tech que inclui multimídia e câmera de ré (R$ 2.990), capota marítima (R$ 800), calotas (R$ 150), Pack Worker com vidros e travas elétricas além do alarme (R$ 2.500) o preço já chega na versão Freedom com o motor de 109cv. Então a versão básica deve ser considerada assim na compra ou o ideal é ir para a versão seguinte.

Gosta da Strada? Veja o teste dos novos controles usando a versão de entrada Endurance:

Últimas