Autos Carros Nissan Magnite é lançado na Ásia: tudo sobre o SUV que veremos aqui

Nissan Magnite é lançado na Ásia: tudo sobre o SUV que veremos aqui

Versão final antecipa modelo que certamente teremos no Brasil mas antes a Nissan vai lançar Versa, Frontier, Kicks e até o Sentra: entenda os motivos

Nissan Divulgação

"Feito para aventureiros urbanos". Esse foi o slogan mostrado no lançamento do Nissan Magnite na Índia, ao longo desta semana colocou fim às especulações sobre o novo crossover ultra compacto da marca japonesa. 

Nissan Divulgação

Construído sobre a plataforma CMF-A+, ele usa a mesma base do Renault Kwid com dimensões de carroceria levemente ampliadas bem como o espaço interno e altura em relação ao solo de 201mm.

Nissan Divulgação

O Magnite tem pouco menos de 4 metros de comprimento, 336 litros de porta-malas e toda uma proposta de versatilidade em veículos de baixo custo.

Porta-malas de 336 litros demonstra bom espaço interno a bordo do diminuto veículo da Nissan

Porta-malas de 336 litros demonstra bom espaço interno a bordo do diminuto veículo da Nissan

Nissan Divulgação

Conforme o R7 antecipou, o Magnite tem duas opções de motores para o mercado indiano: 1.0 SCe de 73cv a gasolina, motor que também conhecemos bem no Kwid, Logan e Sandero e também o 1.0 TCe de 100cv com opção de câmbio automático do tipo CVT.

Interior é simples bem como as linhas adotadas pelo Nissan Magnite indiano

Interior é simples bem como as linhas adotadas pelo Nissan Magnite indiano

Nissan Divulgação

Em termos de conforto e conveniência o Magnite oferece multimídia de oito polegadas com conexão para smartphones e sistema Android Auto e Apple CarPlay, conjunto de iluminação completo em LED, câmera 360 graus e até seis airbags conforme a versão escolhida.

No Brasil: Este carro tem grandes chances de estrear no Brasil em 2022 e deve ser produzido ao lado do Kwid em São José dos Pinhais com a chance da Renault ter um novo SUV ultra compacto aproveitando o projeto do Magnite. Vale lembrar que a Renault está em processo final de desenvolvimento de seus motores turbinados 1.0 e 1.3 que começam a chegar no primeiro trimestre do ano com o Captur, depois Duster e por fim no Sandero e Logan.

Últimas