Autos Carros Royal Enfield anuncia atualização de central eletrônica para clientes

Royal Enfield anuncia atualização de central eletrônica para clientes

Marca convoca todos os proprietários dos modelos para comparecimento à rede mas não dá nome de recall; problema está no software de leitura do módulo de controle de injeção

  • Autos Carros | Marcos Camargo Jr

Recém-lançada, Meteor 350 já emplaca mais de 2.000 unidades por mês e deve ter ECU reprogramada

Recém-lançada, Meteor 350 já emplaca mais de 2.000 unidades por mês e deve ter ECU reprogramada

Marcos Camargo Jr

A Royal Enfield convoca todos os proprietários dos modelos Meteor 350 (recém-lançado no país), Himalayan 411, Interceptor e Continental GT 650 para uma atualização do software de ECU (módulo que controla a injeção eletrônica da motocicleta). A marca não informou se há uma falha detectada na leitura do combustível e não chama a ação de recall por entender que o tema não interefere na segurança da pilotagem.

Divulgação

Os consumidores devem entrar em contato com uma concessionária autorizada para agendar um horário onde será feita a atualização sem custo adicional. 

Himalayan 411 é um dos modelos mais vendidos da Royal Enfield no país

Himalayan 411 é um dos modelos mais vendidos da Royal Enfield no país

Marcos Camargo Jr

A Royal Enfield vem se destacando no cenário das duas rodas em todo o país. Hoje a marca comercializa quatro modelos no mercado nacional. A mais vendida é a Meteor 350 que só em dezembro já acumulou mais de 2.000 unidades entregues, posicionando a Royal Enfield como uma das cinco maiores marcas do país.

O R7 questionou à Royal Enfield a motivação deste chamado. A central eletrônica é responsável pela leitura do combustível que no caso do Brasil tem 27% de etanol e taxa específica de octanagem de 93RON (antes de 2020 nosso combustível tinha 87RON). A Royal Enfield não respondeu se o chamamento já considerava a fórmula da gasolina no Brasil quando as motocicletas oferecidas aqui foram homologadas. 

Marca já tem 19 pontos de venda em 13 estados e planeja uma fábrica em território nacional

Marca já tem 19 pontos de venda em 13 estados e planeja uma fábrica em território nacional

Divulgação

A Royal Enfield iniciou a trajetória no mercado nacional em 2017 e vem renovando a gama de modelos ao chegar a 19 concessionárias presentes em 13 estados sendo cinco pontos de venda só em São Paulo. A marca já admitiu estudar a instalação de uma fábrica no país e pode lançar mais dois modelos de média cilindrada ao longo de 2022. Central de atendimento da marca no país: 0800-770-0208.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas