Autos Carros Saiba quais superesportivos elétricos chegam em 2021

Saiba quais superesportivos elétricos chegam em 2021

Audi, Ford e até Ferrari e McLaren terão novidades importantes para este segmento

Esportivo tem 700 cv de potência e dois motores

Esportivo tem 700 cv de potência e dois motores

Reprodução Internet

O segmento de superesportivos deve ganhar mais novidades elétricas em 2021. Estão cotados para chegar no Brasil os modelos: Audi RS e-Tron GT e e-Tron S Sportback, McLaren Artura e Ford Mustang Mach-E. Já são vendidos por aqui bólidos eletrificados como Porsche Taycan Turbo S, Jaguar I-Pace e Mercedes-Benz EQC. Portanto, conecte-se (literalmente) e veja o que vem por aí:

ANDEI NO TESLA MODEL 3 ELETRICO! Veja avaliação, autonomia, preço e mais. Veja o vídeo!

Audi RS e-Tron GT
O Audi RS e-Tron GT vai reforçar o portfólio de modelos eletrificados da marca em 2021. O esportivo tem 700cv de potência e dois motores, um em cada eixo. Com essa motorização, é possível fazer de 0 a 100 km/h estimado na casa de 3,5 segundos. Em relação ao design, o bólido tem a assinatura dos modelos esportivos da marca alemã.

Novo SUV DA AUDI E-TRON ELÉTRICO! Veja o vídeo!

Audi e-Tron S Sportback
O Audi e-Tron S Sportback também chegará neste ano. O esportivo será equipado com dois motores elétricos, que entregam 489 cv de potência. A autonomia do modelo é de 363 quilômetros de acordo com a montadora europeia.

Esportivo será equipado com dois motores elétricos

Esportivo será equipado com dois motores elétricos

Reprodução Internet

Ford Mustang Mach-E
Fabricado no México, o Ford Mustang Mach-E está cotado para chegar no Brasil. O modelo virá equipado com dois tipos de motores elétricos: um de 258 cv de potência e outro de 465 cv de força. A autonomia varia entre 370 e 483 quilômetros com uma carga.

Autonomia do modelo varia entre 370 e 483 quilômetros

Autonomia do modelo varia entre 370 e 483 quilômetros

Reprodução Internet

Híbridos lançados no Mundo
Enquanto esses modelos elétricos chegam no Brasil, algumas fabricantes tradicionais de superesportivos apresentarão modelos híbridos, como o McLaren Artura, que não teve muitos detalhes revelados pela marca, mas o esperado é que ele seja mais potente do que o híbrido P1, que tem 916 cv de potência.

McLaren Artura não teve muitos detalhes revelados

McLaren Artura não teve muitos detalhes revelados

Reprodução Internet

Já a Ferrari terá um SUV, seguindo o caminho da Bentley, Rolls-Royce, Lamborghini e da pioneira Porsche. Chamado de Purosangue ainda não teve a motorização revelada, mas tudo indica que a marca italiana não utilize o motor V12, mas sim um V8 híbrido, o que não significa de forma nenhuma um carro com pouca emoção.

Purosangue ainda não teve a motorização revelada

Purosangue ainda não teve a motorização revelada

Reprodução Internet

*Em colaboração Felipe Salomão

Últimas