As 3 crenças que determinam o seu sucesso!

No artigo de hoje, faremos uma reflexão importante sobre a forma como você encara sua vida pessoal e profissional

Divulgação

Vamos falar sobre a pirâmide do indivíduo. Ela apresenta as 3 crenças fundamentais que determinam o sucesso e trata-se, principalmente, de onde você deposita o seu foco e a sua confiança.

A pirâmide do indivíduo é formada por 3 pilares: SER (crença de identidade), FAZER (crença de capacidade) e TER (crença de merecimento).

Segue a leitura para entender como aplicar esse conceito no seu dia a dia!

Os pilares da pirâmide do indivíduo

1) Crença de identidade (SER)

A crença de identidade refere-se à percepção que você tem de si mesmo, da sua essência e do seu valor próprio. O ser é a base da pirâmide, a forma como você se mostra para o mundo. Também trata-se de quem você acredita ser.

Se você crê que é uma pessoa ruim e sem valor, a tendência é colocar-se sempre como inferior a todas as outras pessoas, não fazer nada por si e entrar sempre nas piores situações.

A chave para o sucesso é o autoconhecimento. Saber a pessoa que você é e dar valor a ela, descobrir seu propósito e seus objetivos e buscar sempre a própria evolução.

Nenhuma pirâmide se sustenta de cabeça para baixo, não é?

2) Crença de capacidade (FAZER)

A crença de capacidade refere-se a tudo que você acredita ser capaz de fazer. Nessa etapa do seu desenvolvimento pessoal e profissional, você precisa definir detalhadamente tudo que precisa fazer para conquistar o que almeja e, principalmente, acreditar que pode realizar tudo isso. Essa crença determina o seu potencial de realização.

Ao enxergar quem você é, o fazer é natural e inevitável.

Existem coisas que precisam ser feitas para que você chegue à etapa de ter a vida que tanto deseja. Dê sempre o seu melhor, priorize ambientes e atividades que agregam valor à sua vida, aproveite todas as oportunidades que podem contribuir para você atingir suas metas!

3) Crença de merecimento (TER)

A crença de merecimento é a definição de todos os seus objetivos (pessoais, profissionais, financeiros, entre outros) e a visualização do estilo de vida que deseja ter.

O ter é uma consequência das etapas anteriores. Se acredito que sou capaz e faço o que é preciso com determinação e esforço, consequentemente terei o resultado que busco.

O indivíduo sem crença de merecimento tem uma grande tendência à auto sabotagem e à síndrome do impostor. Ele não aceita elogios, não termina o que começou e deixa as oportunidades passarem.

Cuidado para não inverter a pirâmide!

A maioria das pessoas durante um processo de desenvolvimento pessoal e profissional comete o erro de inverter a pirâmide do indivíduo.

Essas pessoas começam sempre pelo ter. O foco é sempre ter o melhor emprego, ter o melhor salário, ter a melhor família, ter uma vida mais saudável e por aí vai. Sendo assim, não se esforçam para ser uma pessoa melhor e, em seguida, fazer o que é preciso para alcançar o melhor emprego, o melhor salário, a família dos sonhos e a vida saudável.

Quando você se prende ao ter, torna-se uma pessoa acomodada, com muitos objetivos, mas poucas ações.

“Mas como posso mudar esse comportamento?”

A maioria das nossas crenças de identidade, capacidade e merecimento, foram formadas durante a infância e adolescência e influenciadas por diversos fatores: nosso contexto familiar, o ambiente em que crescemos, as oportunidades que tivemos e todas as experiências vivenciadas.

Ainda assim, é possível se livrar das crenças limitantes e reprogramar novas crenças de acordo com a pirâmide do indivíduo. Isso exigirá vontade, dedicação, persistência e constância. E não se envergonhe se precisar contar com outras pessoas para te apoiar e dar aquele empurrãozinho quando necessário!

Essas três crenças, quando bem desenvolvidas e combinadas da forma certa, são capazes de te ajudar a adequar sua rotina e mudar seu comportamento para ser uma pessoa melhor em todas as áreas da sua vida!

Últimas