Ignorância

Empreendendo Direito

“Quando você admite a ignorância, você está abrindo a porta da sabedoria.” Sócrates.

Ser ignorante nos dias atuais está ligado diretamente a ser grosseiro, entretanto a ignorância é um abismo que coloca as pessoas em um buraco tão escuro que dificulta enxergar a realidade.

Olhar somente para os outros e se esquivar de se conhecer é outra atitude ignorante, quando deixamos de evoluir (afinal somos seres evolutivos), estacionamos ao ponto de todos ao seu redor terem defeitos e você não. O ignorante é chato, essa palavra define muito bem eles, não aceitam sugestões, não aceitam críticas, não entendem que o conhecimento é a chave que abre portas com grandes oportunidades. O pior é conversar com um, sempre tem razão e nunca pode ser contrariado. Fale para um ignorante “essa não é o melhor jeito de fazer, faz assim que vai te ajudar”, você acabou de cavar a sua própria cova. É engraçado que o ignorante fez um curso em 1999 e acha que não precisa mais estudar, não acredita nas atualizações, ficando preso ao passado. Imagine um médico, um advogado ficar parado no tempo, a tecnologia se renova a cada dia, há mudanças constantemente, se eles não se mantiverem inteirados aos assuntos, erros que foram resolvidos continuarão acontecendo. Novas formas de fazer uma cirurgia ou debater em um tribunal serão perdidas. Infelizmente não prejudica somente o ignorante, mas a todos que os encontra pelo caminho. Um ignorante não aceita seus erros, por isso é tão agressivo e controlador, afinal tudo tem que ser da forma que ele queira.

Repare, um ignorante se identifica com outro e sabe como chegam a lugares altos? Passando por cima dos que se calam, te fazendo acreditar que o que você pensa está totalmente errado, mesmo que você tenha estudado por anos. Infelizmente ocupam lugares que não poderiam por serem tão desequilibrados, porém como um ignorante se identifica com outro, vai virando uma cegueira sem fim, deixando para trás todo o conhecimento e levando em consideração o que o ignorante mor fala, mesmo que seja ultrapassado.

Aprenda a reconhecer um ignorante no seu dia a dia.

Joãozinho está em uma reunião com o Pedrinho, entretanto ao ser questionado por suas falhas Pedrinho se altera, começa a rebater e falar mais alto que o Joãozinho, tornando a situação extremamente desagradável. Antes de dar a oportunidade de o Joãozinho expor a sua opinião, Pedrinho diz sem parar as suas “verdades irrefutáveis”, sempre justificando seus atos em cima dos seus companheiros de trabalho.

Veja outra situação:

Mariazinha está conversando com a Aninha e tocam em assuntos mais sérios, quando começam a falar sobre as irregularidades do local de trabalho. Sem saber, a Mariazinha cita algo que quem fez errado foi a Aninha, mas ela encoberta culpando outra pessoa e já solta a famosa frase “então você está dizendo que fui eu?”. Mariazinha nunca insinuou isso, mas como cutucou a ferida de Aninha, foi o suficiente para criar um climão entre as duas.

O ignorante está sempre em posição de ataque, mesmo que o que você esteja conversando não seja para ele ou sobre ele, em um piscar de olhos tudo vira uma confusão. São pessoas difíceis de lidar, porém não impossível.

Como lidar com um ignorante?

Mude o foco

Percebeu que o assunto vai ser um gatilho para o ignorante transformar em problema, mude o foco, respira deixe a pessoa falar e quando terminar você finge que aquilo nunca aconteceu. Desta forma você evita maiores confusões e menos chances de se magoar.

Seja firme

Um ignorante acha que sempre vencerá na base do constrangimento. Fará de tudo para te envergonhar, entretanto seja firme, quem muito late não morde. Não tenha medo e não perca tempo, saiba a hora de falar e se o assunto está se estendendo e repetindo o mesmo tema, volte para o ponto um e mude o foco.

Desenvolva a sua inteligência emocional

Sim, você tem defeitos, sim você erra, aceite e se aprimore, mas quando o ignorante usar disso para te ofender, lembre-se que você não é o que ele fala e nem o que os outros falam ao seu respeito. Tenha em mente quem és a confiança é primordial para não deixar ser alvejado/corrompido. A inteligência emocional te ajudará a não se abalar, ignorantes nos cercam a todo o momento e se você der ouvido a tudo que falam, o pior pode acontecer.

“A ignorância é um manto que cobre a sensibilidade do coração, apaga a luz do discernimento e mata o bom senso.” Clavio Juvenal Jacinto.

Não absorva

Independente do que foi falado, nada que sai da boca de um ignorante deve ser absorvido, mantenha-se em dia com os estudos, afinal qualquer coisa que for dito na sua mente será refutado. Deixe que fale, você sabe o que é o certo a se fazer. Não seja uma espoja, isso trará riscos a sua intelectualidade.

Por fim, como dizia Albert Einstein “podem nos tirar tudo, menos o conhecimento”, o conhecimento te livra de problema, te faz independente e te torna mais forte e sábio. Nada melhor que deitar em sua cama e saber que o caminho que está percorrendo terá árvores frutíferas, que não terá medo de lobos e cobras, afinal não está vagando sem rumo.

Sempre aparecerá um ignorante no seu caminho, desvie-se e continue em frente, focando em seus objetivos sem olhar para trás, não caia na lábia de um, é fácil ficar desmotivado e medroso. Enfrente os seus limites, capacite-se, reflita e não fique para trás. Um corpo envelhece uma mente só envelhece se você permitir. Não fique preso a uma única opinião, raciocine e mantenha-se em constante aprimoramento.

A sua idade não determina quem você é, as suas ações e conhecimentos sim, alimente sua mente com informações e transforme em aprendizado. Faça o que não sabe, para aprender o que não sabia. Sua mente não explodirá, mas estará cada vez mais aberta e o mais importante a cada conhecimento adquirido mais longe de se tornar um ignorante estará.

Seja curioso para as coisas certas, não para fofoca ou intrigas, mas para alimentar a chama da sabedoria. Decida por você, não olhando para a esquerda ou direita. Desde sempre ouve-se que estudar de tudo é não ser especialista de nada e aí está um grande engano, saber de tudo é ser independente, conseguir pensar sozinho, ter a sua própria opinião e conseguir ajudar quando mais ninguém souber o que fazer. Você deve se especializar em algo, claro! Mas se manter focado em apenas uma coisa e desperdiçar tempo de viver e aprender coisas novas.

“Aprender é a única coisa de que a mente não se cansa, nunca tem medo e nunca se arrepende.” Leonardo da Vinci.

Últimas