Luiz Fara Monteiro Aeroporto de Brasília ganha nova rota internacional

Aeroporto de Brasília ganha nova rota internacional

GOL retomará voos para Cancún saindo direto da capital federal. TAP aumenta frequência para Lisboa  

O avanço na vacinação contra a Covid-19 e a proximidade da alta temporada de férias animam as companhias aéreas na retomada gradual na frequência de voos.

É o caso da TAP, que já agora em outubro cumprirá 4 voos semanais para Brasília. Seus modernos jatos A330neo pousarão na capital às segundas, quintas, sábados e domingos às 15h25 e decolarão para Lisboa às 16h55, tempo suficiente para limpeza e reabasteciemento da aeronave. A retomada das operações foram comemoradas pela administradora do terminal.

A Inframérica lembrou que no início da pandemia a TAP cancelou seus voos e voltou a operar em Brasília em setembro de 2020, depois de mais de 6 meses de suspensão. Em fevereiro de 2021 interrompeu novamente a operação devido o agravamento da contaminação pela segunda onda da covid-19. Em abril deste ano retomou a rota para a capital brasileira com duas frequências semanais, em setembro aumentou para três e agora em outubro chega às quatro frequências semanais.

Também neste mês a Gol passa a operar entre Brasília e Cancún, um dos destinos mais procurados por passageiros em busca de praia e diversão. Os voos para a cidade mexicana acontecerão quatro vezes na semana a partir de 12 de outubro, com decolagens às segundas, quartas, sextas e domingos às 9h30 e o pouso previsto em Brasília às 7h30 nos mesmos dias.

Além da TAP, a Copa Airlines é outra companhia internacional a operar no terminal brasiliense, que por conta da pandemia perdeu no segundo semestre de 2020 os voos da American Airlines que ligavam a capital federal a Miami em voo direto.  A Copa Airlines voa para a Cidade do Panamá quatro vezes na semana em seus Boeing 737-800 e 737 MAX-9, operando todas às terças, quintas, sextas e sábados, chegando em Brasília no fim da noite às 23h50 e partindo às 02h00.

A recuperação do movimento aumenta consideravelmente. No início de 2020, antes da pandemia, o Aeroporto Internacional Jucelino Kubitschek operava 10 voos diretos para nove destinos internacionais. A crise sanitária e o fechamento de várias fronteiras fizeram as companhias aéreas suspenderam os voos que partiam da capital federal. Com a reabertura gradual dos países, as aéreas retomaram os estudos e aumentam as frequências enquanto a Inframerica conversa diretamente com cada companhia.

O Aeroporto de Brasília é o 2º terminal aéreo mais movimentado do Brasil e atualmente lidera como o maior centro de conexão de voos do país. São 38 cidades brasileiras atendidas, o que contribui para atrair a chegada de novos voos internacionais. O terminal de Brasília é o único do país com ligação para todas as capitais do Brasil.

A330neo da TAP durante taxi em Brasília, na foto de William Alves

A330neo da TAP durante taxi em Brasília, na foto de William Alves

William Alves

Últimas