Luiz Fara Monteiro Avião de passageiros colide com outra aeronave e se incendeia na pista

Avião de passageiros colide com outra aeronave e se incendeia na pista

Modelo A350 da Japan Airlines com 379 pessoas a bordo atingiu um avião da Guarda Costeira do Japão no Aeroporto de Haneda, em Tóquio

Aeronave incendiada na pista, no Aeroporto de Haneda, Japão
Aeronave incendiada na pista, no Aeroporto de Haneda, Japão Reprodução

Um avião da Japan Airlines (JAL) e incendiou após pousar no aeroporto de Haneda nesta terça-feira e atingido uma outra aeronave que estava na pista.

O voo, JL516, que viajava de Chitose, Hokkaido, pode ter atingido um avião da Guarda Costeira do Japão quando pousava, disseram autoridades à emissora japonesa NHK, dizendo que se tratava de uma avaliação preliminar. A aeronave pousou por volta das 17h47, horário local.

Havia 367 passageiros e 12 tripulantes a bordo do modelo A350-900 da JAL quando o voo pousou, informou a NHK. Todos os 379 deixaram o avião com segurança, disse a companhia aérea.

Vídeos ao vivo do aeroporto, um centro internacional nos arredores de Tóquio, mostraram bombeiros lutando contra as chamas que engolfaram a fuselagem da aeronave.

Imagens ao vivo transmitidas pela emissora pública NHK mostraram a aeronave em chamas ao derrapar na pista, apesar dos esforços das equipes de resgate para controlar o incêndio.

A Guarda Costeira disse que estava investigando a possibilidade de uma de suas aeronaves ter colidido com o jato de passageiros.

Cinco dos seis tripulantes da aeronave da guarda costeira estão desaparecidos, enquanto um escapou, informou a emissora pública NHK.

Um porta-voz da Japan Airlines disse que a aeronave partiu do aeroporto Shin-Chitose, na ilha de Hokkaido, no norte.

Investigadores analisam a possibilidade de falha nas informações sobre o tráfego de aeronaves na pista. Haneda fechou todas as pistas após o incidente, disse um porta-voz do aeroporto

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas