Luiz Fara Monteiro Azul recebe novo prêmio pela reestruturação financeira realizada em 2023

Azul recebe novo prêmio pela reestruturação financeira realizada em 2023

Companhia foi homenageada com o prêmio Aviation 100 Awards, realizado em Dublin, na categoria ‘Restructuring Deal of The Year’   

Azul: prêmio pela reestruturação financeira realizada em 2023
Azul: prêmio pela reestruturação financeira realizada em 2023 Azul - Divulgação

A Azul recebeu na última segunda-feira (29), o prêmio ‘Restructuring Deal of the Year’. A cerimônia aconteceu em Dublin, durante o 13º encontro de líderes do setor, organizado pela Airline Economics. No evento conhecido como Aviation 100 Awards, são premiadas as melhores empresas, transações financeiras e executivos do setor. A escolha dos vencedores é determinada por votação, envolvendo diversos representantes da indústria, como empresas de leasing, fabricantes de motores e linhas aéreas.  

“Estamos muito felizes e orgulhosos por receber este reconhecimento direto da comunidade global de aviação.

Realizamos uma reestruturação transparente e amigável, evitando a necessidade de recuperação judicial, um processo que seria muito mais longo, desgastante e caro. Isso reflete o relacionamento e a confiança que nossos parceiros depositam em nós, demonstrando
a crença na força do nosso modelo de negócios e na nossa capacidade de gerar caixa. Esse acordo foi crucial para estabelecer acordos bilaterais, manter nosso ritmo de expansão e a contratação de mais 'Tripulantes', como são chamados os colaboradores da companhia.
Com a sustentabilidade do negócio assegurada, esperamos crescer 11% e receber ainda mais aeronaves de nova geração em 2024”, afirmou Alex Malfitani, CFO da Azul.  

Uma das principais estratégias da Azul é investir em uma frota diversificada, capaz de operar em diferentes regiões e impulsionar a conectividade entre as cidades brasileiras. Dentre os aviões que chegarão ainda este ano, estão ATRs, modelos Airbus 320 e Embraers, que serão a maioria. A partir de 2026, pousarão nos hangares da companhia 7 novos Airbus A330neo, capazes de operar voos de longas distâncias com menor queima de combustível e custos operacionais mais baixos. 

O Diretor de Frota e Programa de Aeronaves, Raphael Linares, representou a companhia na cerimônia de premiação.  

A reestruturação da Azul também foi reconhecida no prêmio Liability Management Deal of The Year, pelo Bonds & Loans Latin America & Caribbean Awards, que ocorreu no ano passado. Além disso, Alex Malfitani foi eleito 'CFO do Ano' no Prêmio Equilibrista 2023, concedido pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (IBEF-SP), uma das principais honrarias do setor.  

Sobre a Azul         

A Azul S.A. (B3: AZUL4, NYSE: AZUL) é a maior companhia aérea do Brasil em número de voos e cidades atendidas, com mais de 900 voos
diários, para mais de 150 destinos. Com uma frota operacional com mais de 160 aeronaves e mais de 15.000 Tripulantes, a Azul possui mais de 300 rotas diretas em voo regionais, domésticos e internacionais. Em 2022, a Azul foi eleita a companhia aérea mais pontual
do mundo, segundo o relatório OnTime Performance-OTP Review da Cirium – a principal referência mundial de dados operacionais do setor. Além disso, em 2020, conquistou o prêmio de melhor companhia aérea do mundo pelo TripAdvisor Travelers' Choice, sendo a única
empresa brasileira a receber ambos os reconhecimentos.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas