Luiz Fara Monteiro Indicação de fumaça a bordo faz avião declarar 'mayday'

Indicação de fumaça a bordo faz avião declarar 'mayday'

MD-11 da Fedex recebeu alerta de vazamento hidráulico e fumaça no compartimento de carga. Aeronave pousou em segurança.  

Trijato da Fedex: Mayday

Trijato da Fedex: Mayday

Alan Radecki Akradecki / Wikimedia Commons

O jato cargueiro Douglas McDonnell MD-11 de matricula N595FE cumpria o voo FX-130 de Memphis (EUA) para o Aeroporto Internacional Mirabel em Montreal (CA) com 2 tripulantes.

A aeronave estava na aproximação final para o pouso na pista 24 quando os pilotos receberam a indicação de vazamento hidráulico.

A tripulação realizou o check-list e seguiu para o pouso seguro. Foi quando surgiu uma indicação de fumaça no compartimento dianteiro de carga. Os pilotos declararam "mayday" e requisitaram equipes da brigada de incêncido, no que foram prontamente atendidos.

No entanto, nenhuma indicação de fogo, calor ou fumaça foi encontrada.

O orgão canadense de aviação (TSB) informou que uma inspeção avaliou como causa provável do alerta de fogo ou fumaça o derramamento de partículas do fluído hidráulico durante a aproximação. A ocorrência em 25 de outubro último foi registrada agora pelo AvHerald.

Últimas