Luiz Fara Monteiro LATAM mostra diferencial em seus voos internacionais

LATAM mostra diferencial em seus voos internacionais

O blog embarcou em voo da companhia para Lisboa, rota que, assim como Londres e Frankfurt, responde pelos maiores aumentos da demanda internacional

Boeing 787-9 da LATAM: Motores extremamente eficientes com níveis de poluição baixíssimos

Boeing 787-9 da LATAM: Motores extremamente eficientes com níveis de poluição baixíssimos

LATAM - Divulgação

Os últimos três meses revitalizaram boa parte do ânimo e do fôlego da aviação comercial. 

De acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), as perdas do setor foram reduzidas para US$ 9,7 bilhões, menores em relação à previsão de outubro de 2021, para uma perda de US$ 11,6 bilhões. 

Os ganhos de eficiência e a melhoria dos rendimentos ajudam as companhias a reduzir o prejuízo, mesmo com o aumento dos custos de mão de obra e combustível, impulsionado por um aumento de 40% no preço mundial do petróleo.

“As companhias aéreas são resilientes. As pessoas estão voando em números cada vez maiores. a lucratividade está no horizonte para 2023, é um momento de otimismo”, afirmou Willie Walsh, diretor-geral da IATA.

É verdade que os bons ventos previstos para a aviação mundial no próximo ano já começaram a soprar também aqui no país. 

RECUPERAÇÃO DE VIAGENS INTERNACIONAIS

Entre o primeiro e o segundo trimestre de 2022, a LATAM registrou um aumento de 60% nas vendas de passagens internacionais no Brasil. E já voltou a voar para todos os seus oito destinos na Europa: Barcelona, Paris, Roma, Frankfurt, Londres, Lisboa, Madri e Milão. Isso, mesmo em um período com o câmbio desfavorável.

"As razões são a amenização da pandemia, a redução das restrições sanitárias e o forte desejo de viajar reprimido nos últimos dois anos", explica ao blog com exclusividade, Aline Mafra, diretora de vendas e marketing da LATAM Brasil.

Cabine do comando do Boeing 787-9: modelo de última geração

Cabine do comando do Boeing 787-9: modelo de última geração

Blog Aviação R7.com

Aline confirma o cenário de perdas contabilizadas pela IATA no mercado mundial: "Infelizmente, o contexto político econômico mundial influenciou diretamente nos preços dos combustíveis, que certamente afetou o nível de recuperação da indústria, mas ainda assim estamos vendo o mercado internacional com boa tendência de recuperação".

Por outro lado, o otimismo da LATAM está representado também na retomada de rotas. Nos últimos dias a empresa anunciou Porto Alegre-Lima, Curitiba-Santiago e Rio de Janeiro/Galeão-Buenos Aires/Ezeiza. Para novembro está prevista a volta da rota Guarulhos-Boston, nos Estados Unidos.

VOOS PARA A EUROPA

Em meio a esse quadro de recuperação, o blog embarcou na rota São Paulo - Lisboa - São Paulo. Nos dois trechos, a bordo do Boeing 787-9 da LATAM. 

O avião foi batizado pela própria fabricante como "Dreamliner", algo como "o avião dos sonhos", em uma tradução livre.

O trecho de ida - com o Comandante Stipp - foi operado pela aeronave de matrícula CC-BGN, que ultimamente também tem operado a partir de Guarulhos para destinos como Nova Iorque, Madri, Santiago e Manaus. O retorno, no dia seguinte - com o Comandante Werneck - foi operado pelo Dreamliner de prefixo CC-BGK, ambos com registro no Chile. A rota para Lisboa também é executada pelo Boeing 767, avião com um projeto bem mais antigo em relação ao Dreamliner.

Os voos para a capital portuguesa, Londres e Frankfurt têm respondido pelos maiores aumentos da demanda internacional da LATAM Brasil. Em todo o primeiro semestre, a quantidade de passageiros da companhia para a capital portuguesa cresceu 40% na comparação com o mesmo período de 2019, antes da pandemia de Covid-19. Em um dos trechos que voamos, os 30 assentos da cabine Executiva Premium estavam ocupados. Considerando toda a malha aérea internacional a partir do Brasil, a empresa já recuperou 68% da oferta de assentos em julho e retomou as operações diretas para 20 destinos internacionais.

"A  retomada do mercado internacional ocorre de forma sustentável com a alocação de aeronaves de maior capacidade, aumento de voos onde há demanda potencial e a reinauguração de rotas com alta procura", detalha Aline Mafra.

BOEING 787-9 DREAMLINER

O Boeing 787-9 tem capacidade para 80 passageiros a mais do que o 767. 

"O 787 representa o que existe de mais moderno na aviação comercial. Motores extremamente eficientes e, consequentemente, com níveis de poluição baixíssimos. Sua velocidade de cruzeiro é quase 10% maior se comparado ao Boeing 767. Além disso, no cockpit nossos tripulantes contam com diversos recursos que reduzem a carga de trabalho e aumentam os níveis de segurança", afirma Harley Meneses, diretor de operações da LATAM Brasil.

Latam VIP Lounge, em Guarulhos: o segundo maior do continente

Latam VIP Lounge, em Guarulhos: o segundo maior do continente

Blog Aviação R7.com

LATAM VIP LOUNGE

Aguardamos o embarque no LATAM VIP Lounge, no terminal 3 de Guarulhos, a sala VIP que já foi a maior da América Latina, e atualmente perde apenas para o espaço da própria aérea em Santiago, no Chile. 

O padrão de serviços em Guarulhos levou outras companhias internacionais a fechar parcerias com a LATAM Brasil para que seus passageiros também possam utilizar o espaço. Iberia, Qatar Airways, British Airways, Japan Airlines (JAL) e Delta reconheceram o local como referência de serviços de excelência. E selaram acordos. Em troca, passageiros LATAM também podem usufruir de salas semelhantes no exterior. Na volta de Lisboa, utilizamos o Lounge da ANA.  

No LATAM VIP Lounge, ítens como acessibilidade, higiene e conforto são elogiados. Além dos tradicionais buffets com variedade de pratos e bebidas, o VIP Lounge oferece sala de jogos com videogames XBox, onde crianças e adultos (não necessariamente nesta ordem) se divertem entre um voo e outro. Há duchas para quem precisa se refrescar. Os toaletes são higienizados constantemente. Assim que um usuário deixa o banheiro, funcionários de limpeza se certificam se o espaço está pronto para ser usado por outra pessoa. Os papeis higiênicos são sempre deixados com o formato pontiagudo, para que se tenha certeza de que o local foi higienizado e inspecionado. 

Além das inúmeras poltronas, há um espaço com camas. Cada uma dispõe de lençóis e travesseiros, além de amenities, como máscara para cobrir os olhos e tampões de ouvido.

Chuveiro no LATAM VIP Lounge

Chuveiro no LATAM VIP Lounge

Blog Aviação R7.com

NEYMAR ENTRE OS FREQUENTADORES

O maior movimento no Lounge se dá entre 18h e 22h, quando aumenta a quantidade de voos. O bar do Lounge dá um tom mais informal e descontraído ao ambiente. Chama atenção pela variedade de bebidas. Vinhos, espumantes e cervejas estão sempre à disposição. Outro ponto concorrido tem forma de anfiteatro, com uma enorme TV, onde os clientes se distraem, como  durante transmissão de jogos de futebol. A presença de artistas e famosos é constante. Foi lá que há alguns meses o craque Neymar - numa das raras vezes em que não foi escalado - assistiu uma partida da Seleção Brasileira.

"Ele estava meio que disfarçado com gorro e óculos. Incrivelmente não foi reconhecido por outros clientes", relata um funcionário do LATAM VIP Lounge. Aliás, a privacidade é um dos destaques da sala, que recebe também políticos e autoridades. O blog encontrou um Senador da República com uma taça de vinho branco chileno.

A Sala, que conta ainda com lockers, espaços para reuniões, Business Center com computadores e impressoras, pode ser utilizada por passageiros que estejam viajando em cabine Premium ou que participam de programas de fidelidade da companhia, como Platinum, Black e Black Signature, entre outros. Alguns cartões de crédito também dão direito ao acesso. Quem não possui esses benefícios para utilizar as Salas ou estiver viajando com mais acompanhantes, pode comprar um ingresso ou passe diário que permite acessar mais de uma Sala VIP LATAM durante 24 horas. Os acessos são vendidos na recepção de cada Sala VIP, onde podem perguntar pelas tarifas preferenciais. Acompanhantes dos titulares, como pais, esposa e filhos, em alguns casos, são permitidos. Os detalhes sobre o acesso estão no site da companhia.

Passageiros fidelizados da companhia aérea e aqueles inscritos em programas de fidelidade podem usufruir de vários serviços, como check-in e marcação de assento pelo WhatsApp. As equipes do "Special Service" também providenciam despacho de bagagens etiquetadas como "prioridade", o que reforça a possibilidade de o cliente ser um dos  primeiros a recolher a mala despachada na esteira do terminal de destino. 

LATAM Boeing 787-9 "Dreamliner": cabine Premium Business

LATAM Boeing 787-9 "Dreamliner": cabine Premium Business

Blog Aviação R7.com

A viagem até Lisboa durou 9 horas, com o pouso realizado às 7 da manhã. Para esse voo são escalados dois Comandantes e um Primeiro Oficial na tripulação técnica, além de oito tripulantes de cabine (Comissários). A bordo do Dreamliner, impressiona o baixíssimo ruído dos 2 motores Rolls Royce. A disponibilidade e atenção dos comissários também contribuem para um voo tranquilo.

O diretor de operações, Harley Meneses, explica que a pressurização que mantém a altitude da cabine dos passageiros no Dreamliner é bem mais baixa. E o sistema de iluminação que, associado à eficiência da pressurização, minimiza os efeitos do Jet Lag, entre outros aspectos que tornam a experiência de voo muito mais prazerosa. 

Testemunhamos que a respiração, o bem estar e o menor nível de pressão a bordo fizeram toda a diferença durante a viagem. O que aumenta o bem-estar físico e orgânico após o desembarque. 

MENU

As refeições servidas em todas as cabines, incluindo a econômica, chamam atenção pela qualidade. 

A bordo da cabine Executiva, opções de carne bovina com cocção lenta com molho de mostarda, batatas assadas e verduras refogadas. E Ravióli de espinafre recheado de cogumelo com molho cremoso de sálvia e abóbora assada.

"Na Premium Business oferecemos uma vasta experiência culinária acompanhada por um cardápio com os melhores vinhos do continente, selecionados por Héctor Vergara, o único master sommelier da América Latina", aponta a diretora de vendas e marketing, Aline Mafra.

Entre os espumantes, havia opções como um Nicolas Feuillatte, um brut com bolhas finas, aromas a doces e frutas brancas, como peras e pêssegos brancos.

Ou o San Carlos, da Bodega Catena, um tinto com sabores de frutas vermelhas maduras e tons mentolados com paladar fino e persistente.

E ainda um Cartagena, com aromas salinos, notas de toranja (também conhecida como grapefruit) e toques de ervas, um vinho com boa textura, grande frescor e vivacidade. Outras opções estavam disponíveis na carta. 

Uma das opções de café da manhã a bordo do Dreamliner

Uma das opções de café da manhã a bordo do Dreamliner

OPERAÇÕES ETOPS

As condições meteorológicas estavam perfeitas e os pilotos não precisaram fazer nenhum desvio no trecho para Lisboa. Para uma rota transoceânica, companhias aéreas operam jatos certificados que garantam a segurança dos clientes. Para efetuar travessias de distâncias maiores que 1 hora (120 minutos) de distância de uma alternativa para pouso, uma aeronave necessita de uma certificação chamada ETOPS, sigla em inglês para "Extended Twin Engine Operations" (Operações Especiais Para Aeronaves Bimotor). Existem várias certificações ETOPS, tais como 120, 180 e em algumas aeronaves até 330 minutos. Isso significa que, na prática, uma aeronave com ETOPS 180 pode operar rotas onde o ponto mais afastado de uma alternativa de pouso em caso de uma falha de motor ou pressurização pode estar 180 minutos afastado. Isto é: um avião nunca se afasta mais de 180 minutos de uma pista, mesmo sobre o Oceano. Para se ter uma ideia da segurança quando se voa a bordo do Dreamliner, sua certificação é ainda maior.

"Para as rotas possíveis entre São Paulo/Guarulhos-Lisboa, uma certificação ETOPS 120 ou 180 já contempla os requisitos, mas nossas aeronaves já estão certificadas com ETOPS 240", afirma Harley Meneses.

SUSTENTABILIDADE

Assim como grandes companhias mundiais, a LATAM Brasil se esforça para alcançar metas sustentáveis. Em julho, a empresaa assinou um acordo com a Airbus e Air Canada, easyJet, International Airlines Group, Lufthansa Group e Virgin Atlantic para explorar oportunidades de eliminação do CO2 da atmosfera por meio do sistema 'Direct Air Carbon Capture and Storage'.

Também recentemente foram incluídos a bordo dos voos os “Eco Kits” para viagem, um novo conceito de Amenity Kits para passageiros que viajam na cabine Premium Business LATAM, inspirado no design local e na incorporação gradual de elementos sustentáveis.

"Como temos o compromisso de eliminar os plásticos de uso único, o kit é entregue desembrulhado, e contém alguns materiais reutilizáveis, como uma escova de dentes de bambu com tampa de cana-de-açúcar. Os tampões de ouvido são embrulhados em papel craft para reduzir ao máximo o uso de materiais plásticos, e as meias e coberturas para os olhos são feitas de plástico reciclado. A ideia é inserir os amenity kits em todas as rotas internacionais até outubro de 2022", detalha Aline Mafra.

A própria opção da companhia em operar com o Boeing 787 auxilia na meta em diminuir as emissões de carbono na atmosfera.

"Em todos os projetos da LATAM são levados em conta os impactos ao meio ambiente. A tecnologia do Boeing 787-9 reduz em 25% o consumo de combustível e o nível de emissão de CO2", assegura Harley Meneses.

DIFERENCIAL

Em uma época em que os altos custos do setor espremem a possibilidade de ofertas de serviços, o blog perguntou à diretora de vendas e marketing sobre qual seria o diferencial da LATAM em relação às demais companhias que operam no Brasil e no continente.

"A capilaridade de destinos internacionais da LATAM está entre os principais diferenciais, somos a companhia que melhor conecta a América do Sul ao mundo, utilizando uma frota moderna que é composta de aeronaves wide bodies que incluem aviões como o Boeing 787-9. Além disso, podemos citar o entretenimento de bordo de todos os modelos de aeronaves, LATAM Play, que dispõe de mais de 700 horas de conteúdo, com filmes, documentários, séries e músicas à disposição do passageiro. Entre os conteúdos disponíveis está também o acesso exclusivo à plataforma de streaming HBO Max, com diversos títulos e estreias", afirma Aline Mafra.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas