TAAG atualiza política de bagagem em 2024

Companhia passa a permitir quantidade ilimitada de bagagens despachadas

TAAG: nova política de bagagem
TAAG: nova política de bagagem BriYYZ - Wikimedia Commons

A TAAG Linhas Aéreas de Angola vai atualizar a partir de 1º de janeiro de 2024 a sua política de bagagem, proporcionando aos passageiros uma maior conveniência nos artigos admitidos em bagagem de mão e bagagem despachadas.

Com esta atualização, o passageiro poderá adquirir bagagem extra, sem limitação de artigos, beneficiando-se inclusive de taxas mais baixas se efetuar a compra de bagagem extra de forma antecipada, ou seja, antes da data de viagem. Foram igualmente revistos os formatos/dimensões autorizadas de artigo pessoal, bagagem de mão e bagagem despachada (qualquer item grande que um passageiro pretende levar no seu voo no compartimento de carga do avião) para dar mais flexibilidade e opções aos viajantes.

Paralelamente, mais itens passam a ser permitidos como bagagem, instrumentos musicais, material desportivo, animais de estimação ou bens perecíveis, desde que respeitem os termos e condições da política de bagagem, nomeadamente restrições de formato, peso, acondicionamento bem como, a legislação aplicável do país de destino.

Com esta iniciativa, a TAAG reforça o seu compromisso em proporcionar uma melhor experiência de viagem aos seus passageiros, tornando os seus serviços mais ágeis e flexíveis.

Sobre a TAAG

TAAG – Angola Airlines – foi fundada em 1938 e está baseada em Luanda, cidade capital. Por mais de 80 anos a TAAG tem vindo a conectar os angolanos através de ligações domésticas e internacionais. A TAAG é uma companhia líder do mercado de aviação em Angola, reconhecida globalmente e com um crescimento sustentado, disponibilizando atualmente 12 destinos domésticos e 13 destinos internacionais. Além do transporte de passageiros, a sua frota realiza igualmente o transporte de carga, um serviço cada vez mais essencial para o desenvolvimento do ecossistema local. A TAAG tem um profundo orgulho na sua história, serviço e foco na melhoria contínua.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas