Rio de Janeiro Acusado de matar menor por dívida de R$ 20 é preso, no Rio, 13 anos após o crime

Acusado de matar menor por dívida de R$ 20 é preso, no Rio, 13 anos após o crime

Segundo a polícia, o homem esfaqueou a vítima em Sergipe, em 2010, com a ajuda do irmão, que continua foragido

  • Rio de Janeiro | Do R7, com Record Rio

Suspeito deve der levado para Sergipe

Suspeito deve der levado para Sergipe

Reprodução/Record Rio

A Polícia Civil prendeu nesta sexta-feira (1º) um homem acusado de ter matado, por esfaqueamento, um menor por causa de uma dívida de R$ 20. Ele foi detido no local de trabalho, no bairro do Camorim, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Segundo a polícia, o homem cometeu o crime em 2010, no estado de Sergipe, com a ajuda do irmão.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Em entrevista à Record Rio, o delegado Angelo Lages disse que, após o crime, a dupla fugiu para Brasília e, depois, para Santa Catarina, onde quase foi presa e decidiu se separar.

De acordo com o delegado, um dos irmãos foi localizado no Rio em uma operação organizada pelas polícias Civil e Federal.

O homem era alvo de um mandado de prisão preventiva (sem prazo) pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe.

Ele foi levado para a 12ª DP (Copacabana), mas deverá ser transferido para Sergipe, onde vai ser julgado pelo Tribunal do Júri. Se condenado, pode pegar uma pena de até 30 anos de reclusão.

O irmão do preso continua foragido e, segundo as investigações, está possivelmente escondido em outro estado. 

Últimas