Agente penitenciário é encontrado morto na Baixada Fluminense

Prévia da ocorrência da PM aponta que Ezequiel Figueiredo pode ter sido reconhecido por traficantes da comunidade Buraco do Boi, em Nova Iguaçu

Ezekiel estava na Seap há nove anos

Ezekiel estava na Seap há nove anos

Reprodução/Rede Sociais

Um agente penitenciário foi encontrado morto na manhã desta quarta-feira (5) por policiais militares, no bairro da Cacuia, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A morte de Ezequiel Figueiredo pode ter sido motivada pela descoberta por traficantes da comunidade Buraco do Boi que ele era inspetor da Seap (Secretaria de Estado de Administração Penitenciária).

Polícia prende homem acusado de torturar mãe e filha no Rio

Segundo a prévia da ocorrência da Polícia Militar, Ezequiel foi sequestrado no início do dia próximo à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Botafogo, também em Nova Iguaçu.

A família do agente penitenciário encontrou o carro e os documentos da vítima. Em seguida, policiais militares do 20º BPM (Nova Iguaçu) encontraram o corpo de Ezequiel com sinais de espancamento e marcas de tiro na cabeça.

A família não divulgou datas ou detalhes sobre o velório. O agente penitenciário completou no último dia 21 de julho nove anos de Seap.

Em nota, a Seap, lamentou a morte do servidor e disse que está dando apoio aos familiares de Ezequiel.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Patrícia Junqueira