Rio de Janeiro Cabo da Polícia Militar é morto por criminosos na Baixada Fluminense

Cabo da Polícia Militar é morto por criminosos na Baixada Fluminense

Daniel Alexandrino de Oliveira estava de férias quando foi surpreendido por grupo em Nova Iguaçu, segundo a corporação

Daniel estava na PM desde 2013

Daniel estava na PM desde 2013

Reprodução/Redes sociais

Um policial militar foi morto a tiros em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense na tarde desta quarta-feira (1º). O cabo Daniel Alexandrino de Oliveira, de 32 anos, estava de férias quando foi atacado, de acordo com a PM.

Segundo a corporação, o agente conversava com um amigo na avenida São Paulo quando foi reconhecido por um grupo de criminosos, que dispararam. contra ele Daniel foi levado ao hospital da Posse, em Nova Iguaçu, mas já chegou morto à unidade. Os atiradores fugiram.

Um outro homem também foi atingido no atentado e socorrido para a Casa de Saúde Nossa Senhora de Fátima. Ele não corre risco de morrer.

Agentes do 20º BPM (Mesquita) foram acionados para isolarem o local do crime, onde foi feita perícia da DHBF (Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense), que investigará o caso.

Daniel era lotado no 16º BPM (Olaria) e estava na força desde 2013. Ainda não há informações sobre sepultamento.

A PM informou que, em 2021, 38 policiais militares foram mortos pela violência em todo o Estado, incluindo agentes em serviço, de folga e reformados/na reserva.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas